nsc
    an

    publicidade

    Hospital Dona Helena apresenta

    Câncer de próstata: homem também tem que se cuidar  

    22/11/2019 - 10h39 - Atualizada em: 22/11/2019 - 11h12

    Compartilhe

    Estúdio
    Por Estúdio NSC
    Câncer de próstata: homem também tem que se cuidar
    (Foto: )

    O novembro azul é uma campanha mundial criada com o intuito de promover a saúde através da orientação a respeito da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata. Toda esta atenção se justifica, pois, no Brasil, para pacientes do sexo masculino, este é o câncer de maior incidência, chegando a cerca de 30% dos casos oncológicos.

    Os principais fatores de risco são: familiares com histórico de câncer na família, raça negra e idade maior do que 50 anos. A obesidade é outro fator importante, ainda mais se ressaltarmos que é o único fator de risco modificável.

    Muito tem se debatido a respeito de quando e como realizar o rastreamento deste câncer e, devido a controvérsias, a discussão está longe de ser encerrada. Atualmente, para pacientes sem fatores risco, se recomenda que sejam realizados exames de rastreamento (PSA e/ou toque retal) a partir dos 50—55a, desde que seja discutido com o paciente os benefícios e riscos de se realizar tal exame.

    Independente das controvérsias a respeito do rastreamento, a campanha coloca em evidência a saúde do homem e ajuda a mudar um problema cultural do sexo masculino que ainda é resistente em procurar atenção médica.

    Lucas Ferreira Sant´Ana, Oncologista do Hospital Dona Helena.

    (Foto: )

    Conteúdo patrocinado pelo Hospital Dona Helena.

    Deixe seu comentário:

    publicidade