nsc
    dc

    Investigação

    Casa de luxo em Garopaba, no Sul de SC, é alvo de operação contra facção que atua no RS

    Um dos líderes de uma organização criminosa atuante no tráfico de drogas é apontado como dono do imóvel, segundo a Polícia Civil do Rio Grande do Sul 

    24/09/2019 - 12h32 - Atualizada em: 24/09/2019 - 12h56

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação DC
    Casa de luxo em Garopaba, no Sul de SC, é alvo de operação contra facção que atua no RS
    Além da casa em Garopaba, outro imóvel na região metropolitana de Porto Alegre foi alvo de sequestro judicial
    (Foto: )

    Uma casa de luxo localizada em Garopaba, no Sul de Santa Catarina, foi alvo de uma ação judicial na manhã desta terça-feira (24), em uma operação da Polícia Civil do Rio Grande do Sul. O dono do imóvel seria um dos líderes de uma organização criminosa atuante no estado gaúcho, conforme informado pela polícia.

    A ação, segunda fase de uma operação denominada Borgata, tem como objetivo atingir o núcleo financeiro da facção que estaria ligada ao tráfico de drogas. Assim como a casa de Garopaba, outro imóvel localizado em Campo Bom, na região metropolitana de Porto Alegre, foi alvo de sequestro judicial, de acordo com a Polícia Civil gaúcha.

    Ao todo, 17 mandados de busca e apreensão e um de prisão temporária foram cumpridos no Rio Grande do Sul. Sete veículos foram apreendidos na ação, além de documentos, celulares, maconha, anabolizantes e carimbos médicos falsos, segundo a polícia. Os bens apreendidos são avaliados em aproximadamente R$2 milhões de reais.

    "A segunda fase dá continuidade ao desmantelamento de células responsáveis pela atividade financeira da organização, e que dá suporte para a compra e distribuição de drogas e os seus lucros decorrentes", afirmou o delegado Adriano Nonnenmacher, da Polícia Civil do RS, em nota.

    A primeira fase da operação foi realizada em junho deste ano e resultou em cinco mandados de prisão temporária e em outros 24 de busca em cidades gaúchas. Cinco imóveis de luxo e sete contas bancárias foram bloqueadas na ocasião.

    Acesse o NSC Total e acompanhe as últimas notícias

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas