nsc

publicidade

Religião

Catedral de Joinville passará por grande reforma

O Bispo Dom Francisco Bach confirmou a informação em entrevista e disse que engenheiros e arquitetos já estão concluindo os projetos

20/06/2019 - 14h00

Compartilhe

Redação
Por Redação AN
foto mostra parte interna da Catedral de Joinville, vista de cima do altar
Parte interna passará por obras nos próximos anos
(Foto: )

A Catedral São Francisco Xavier, de Joinville, será reformada nos próximos anos. A informação foi confirmada pelo Bispo de Joinville, Dom Francisco Bach, em entrevista à Rádio Globo Joinville na manhã desta quinta-feira. Segundo ele, os arquitetos e engenheiros voluntários da Diocese de Joinville já estão participando de reuniões para trabalhar nos projetos de revitalização. O projeto de acústica está em fase de conclusão e os outros já estão prontos, contou.

— Temos percebido há muito tempo que a Catedral precisa de reforma. Não na parte estrutural, porque externamente ela não pode ser alterada, já que está na lista de interesse de tombamento como patrimônio cultural. Mas, internamente, é possível fazer uma repaginação, uma revitalização — informou Dom Francisco.

O objetivo é que as intervenções externas — que não irão alterar a arquitetura da igreja — comecem até o fim do ano pela cúpula. A reforma interna, mais complexa, deve ter seu início em 2020. A obra será custeada pela Diocese com a ajuda das paróquias.

— É um trabalho feito por toda a Diocese, todas as paróquias vão colaborar. É de alguns milhões, não é coisa pequena não. Vamos precisar muito da ajuda da sociedade — avaliou ele.

Dom Francisco explicou que, ao chegar a Joinville, há dois anos, descobriu que quando o prédio atual da Catedral de Joinville foi construído, entre os anos 1960 e 70, ele tinha também o papel de espaço cultural. É por isso que sua parte interna possui espaço para coros e orquestras, por exemplo, e os bancos são em formato de cadeiras de teatros antigos.

— Naquele momento Joinville não tinha um espaço público para concertos de música clássica e apresentações culturais. Agora, a cidade tem espaços culturais e ela não tem mais esta finalidade, então pensamos que deva ter uma revitalização eclesial em todos os sentidos — explicou.

História da Catedral remonta ao período da Colônia

Desenho mostra como era a primeira Catedral de Joinville
Desenho mostra como era a primeira Catedral de Joinville
(Foto: )

O primeiro prédio da Catedral de Joinville foi inaugurado em 1867, no mesmo terreno da rua do Príncipe onde ela está atualmente. Ele foi cedido pela sociedade colonizadora que, conforme o contrato, doaria os terrenos mais centrais da Colônia Dona Francisca à construção de igrejas e escolas. Inicialmente, no local, havia sido construída uma loja maçônica e, por isso, a Catedral foi construída ao lado.

Nos anos 1930, já existia a ideia de construção de uma nova catedral para Joinville. Na época, definiram pela ampliação do prédio já existente. Após o fim da reforma, no entanto, a loja maçônica que ficava no terreno ao lado foi encerrada e, com isso, a Diocese sentiu a oportunidade de aquirir o terreno.

Assim, em dezembro de 1943, o bispo Dom Pio de Freitas benzeu a pedra fundamental do que seria a nova catedral. O plano de construir uma catedral em estilo romano foi atrasado pela crise econômica e de recursos da Segunda Guerra Mundial, que acontecia naquele período.

foto mostra nova catedral sendo construída ao lado da antiga
Durante a construção da nova catedral, a antiga era mantida para celebração das missas
(Foto: )

A construção só seria retomada em 1957, com a chegada do bispo Dom Gregório Warmeling. Em 26 de outubro de 1959, foi assinado o contrato para construção. Para cobrir as despesas, a Diocese negociou uma área de 12 mil m², localizada nos fundos do Colégio Santos Anjos.

A finalização completa da obra demorou 45 anos. O prédio atual foi inaugurado em 1977, mas o projeto só foi considerado realmente concluído em dezembro de 2005 com a construção de uma torre do campanário de 24 metros de altura.

Deixe seu comentário:

publicidade