publicidade

Cotidiano
Navegue por

TRADIÇÃO

Celebração neste sábado marca início de Ciclo do Divino em Florianópolis

Programação contará com apresentação de casais e distribuição de pães pelas ruas do Centro da cidade 

24/05/2019 - 17h01

Compartilhe

Redação
Por Redação Hora
ciclo do divino
Ciclo começa com atividades na Catedral Metropolitana da Capital
(Foto: )

A prefeitura de Florianópolis, em parceria com a Fundação Cultural Franklin Cascaes, abre neste sábado o Ciclo do Divino Espírito Santo. A abertura terá programação na Catedral Metropolitana da Capital durante a manhã.

Entre as atividades deste sábado, está a apresentação dos casais festeiros, hasteamento das bandeias e benção dos pães, todas elas no interior da Catedral. Além disso, haverá ainda o cortejo imperial pelas ruas centrais da cidade, com a distribuição de 2.500 pães. Caso esteja chovendo, o desfile será cancelado.

— Este é um evento que dá o pontapé para as 14 festas do Divido que ocorrem na nossa cidade. É uma celebração da partilha, da solidariedade e da comunidade — ressalta Roseli Pereira, superintendente da Fundação Cultural Franklin Cascaes.

A abertura do Ciclo contará com a presença de todas as cortes e festeiros da Ilha e das demais cidades da Grande Florianópolis. O evento ocorre sempre dois sábados antes do domingo de Pentecostes. Os festejos do Divino seguem até o mês de setembro.

Considerada no ano passado Patrimônio Cultural Imaterial do Estado, a festa acontece em 14 comunidades da Capital, mesclando elementos religiosos e folclóricos.

Programação neste sábado

8h30min - Concentração dos Casais

9h - Benção dos Pães

9h30min - Apresentação dos casais festeiros

10h15min - Fala da autoridades

11h - Desfile pelas ruas centrais de Florianópolis

História

A Festa do Divino Espírito Santo teve sua origem em Portugal, na Vila de Alenquer, em 1296, por iniciativa da Rainha Santa Isabel de Aragão, esposa do Rei D. Dinis. A celebração é uma manifestação cultural marcante na religião do litoral catarinense, com grande influência da cultura açoriana.

Em 2018, além de ter sido considerada Patrimônio Cultural Imaterial do Estado pela Fundação Catarinense de Cultura, a festa também foi reconhecida como Patrimônio Cultural de Florianópolis.

Leia mais:

Cultura e tradição marcam a Festa do Divino Espírito Santo que acontece neste sábado na Capital

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação