publicidade

Futebol 

Cerca de cinquenta atletas participam de seletiva para time de futebol feminino de Blumenau 

Primeira etapa do processo aconteceu na manhã deste domingo no Estádio do Sesi 

26/05/2019 - 20h50

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
(Foto: )

Cerca de cinquenta atletas participaram da primeira etapa da seletiva para formar um time de futebol feminino de Blumenau, que disputará os Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) neste ano. A primeira fase da seletiva aconteceu na manhã deste domingo no Estádio do Sesi, em Blumenau. Os trabalhos tiveram a supervisão do ex-treinador do Metropolitano e ex-jogador do Blumenau Esporte Clube, Cesar Paulista.

Apesar de toda a experiência com o futebol, o ex-treinador afirma que desta vez se trata de um trabalho diferente, em especial na comparação com o futebol masculino.

– Foi muito interessante participar deste processo. Surpreendeu muito a quantidade e a qualidade das atletas que compareceram no Sesi. Sem dúvidas é diferente lidar com as mulheres. Elas são mais educadas e muito mais atentas ao jogo e às orientações, além de toda dedicação que mostram – afirma Cesar Paulista.

O futebol feminino vem crescendo ao longo dos últimos anos em todo o mundo. Porém, para Paulista no Brasil ainda se está longe de alcançar o padrão que se tem em outros países.

– A modalidade vive um momento diferente hoje, é claro. Mas nós ainda não alcançamos o patamar de outros lugares no mundo, como nos Estados Unidos, por exemplo. A inciativa de ter um time feminino em Blumenau é muito interessante e pode servir de base para as equipes do masculino, caso seja obrigatório ter uma equipe do feminino para disputar as competições – aponta o ex-treinador e ex-jogador.

Além disso, Cesar Paulista afirmou que é possível formar uma equipe competitiva com o futebol apresentado neste domingo. Outras seletivas ainda devem ser feitas nas próximas semanas, mas ainda sem data marcada. Para disputar os Jasc, é necessário nascer em Santa Catarina e ser maior de 16 anos de idade.

Deixe seu comentário:

publicidade