nsc
    dc

    publicidade

    Tropeço

    Chapecoense joga mal fora de casa e perde para Oeste

    Verdão se mantém na vice-liderança da Série B com 43 pontos

    10/09/2013 - 15h15 - Atualizada em: 10/09/2013 - 15h29

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    (Foto: )

    O Oeste pode ser considerado a "touca" da Chapecoense pois nesta terça-feira venceu o time catarinense por 1 a 0, em Itápolis-SP. Em dois confrontos na Série B o time de Gilmar Dal Pozzo somou apenas um ponto contra os paulistas em dois jogos. E, desde a Série C do ano passado, já são cinco jogos sem vencer o time alvirubro. Mesmo com a derrota a Chapecoense mantém a vice-liderança, com 43 pontos.

    > Confira como foi o minuto a minuto da partida

    O calor de 31 graus em Itápolis deve ter influenciado no desempenho dos times, que não fizeram um bom jogo de assistir no primeiro tempo.

    As defesas predominaram sobre os ataques. A Chapecoense ia para o ataque e perdia a bola. O Oeste ia para o ataque e perdia a bola. A entrada de Soares no lugar de Danilinho, que se lesionou aos 20 minutos do primeiro tempo, deixando a Chapecoense com três atacantes, não mudou o quadro.

    Como os times não conseguiam chegar com perigo, alguns jogadores começaram a tentar de longe. Foi o caso de Piauí, do Oeste, que chutou distante do gol. Neném também arriscou, mas não acertou o alvo.

    A melhor chance foi da Chapecoense, aos 43 minutos do primeiro tempo, quando Rafael Lima tocou para Bruno Rangel dentro da pequena área. Mas desta vez o artilheiro da Série B, pressionado pelo zagueiro, acabou chutando por cima.

    No segundo tempo, com a temperatura mais amena e sombra em boa parte do gramado, os times jogaram com mais intensidade. Logo no início Pablo quase marcou para o time da casa. Depois a Chapecoense teve uma sequência de três escanteis e só não marcou com Glaydson porque o goleiro Fernando Leal fez boa defesa.

    Aos 12 minutos foi a vez de Rodolpho evitar o gol de Jheimy, que driblou o zagueiro e chutou rasteiro de dentro da área. O Oeste começou a dominar o jogo e acabou chegando ao gols aos 27 minutos. Marcos Paraná entrou na área e cruzou para Jheimy, que chutou de primeira para dentro do gol.

    E o Oeste teve chance de ampliar com Ligger, de cabeça, mas a bola foi para fora. O próximo jogo da Chapecoense é sexta-feira, contra o São Caetano, na Arena Condá.

    FICHA TÉCNICA

    OESTE-1:

    Fernando Leal, Adriano Alves, César Gaúcho e Ligger; Eric, Everton Dias, Marcos Paraná, Fernandes (Lelê) e Piauí; Pablo (Bruno Batata) e Jheimy (João Denoni). Técnico: Ivan Baitello

    CHAPECOENSE-0:

    Rodolpho, Fabiano, Rafael Lima, André Paulino e Anderson Pico; Wanderson, Glaydson (Rodrigo Gral), Danilinho (Soares depois Diego Felipe) e Nenén; Bruno Rangel e Soares. Técnico: Gilmar Dal Pozzo

    Gols: Jheimy (O), aos 27 minutos do segundo tempo.

    Arbitragem: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro-RN, auxiliado por Leandro dos Santos Ruberdo-MS e Frederico Soares Vilarinho-MG.

    Cartões amarelos: Ligger e Adriano Alves (O); Danilinho

    Local: Estádio Municipal dos Amaros, em Itápolis-SP

    Deixe seu comentário:

    publicidade

    publicidade

    publicidade

    publicidade