nsc
santa

Temporal

Chuva forte causa transtornos em Blumenau e outras cidades do Vale; veja ocorrências

Defesa Civil alerta que condição para temporal forte se mantém na próxima hora

17/09/2021 - 17h18 - Atualizada em: 18/09/2021 - 07h34

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Por João Victor Góes
Deslizamento de terra em Taió, na SC-114
Deslizamento de terra em Taió, na SC-114
(Foto: )

A chuva persistente dessa sexta-feira (17) causou transtornos no Vale do Itajaí, principalmente a partir do final da tarde, quando ficou mais intensa em algumas regiões. Há registro de alagamentos, quedas de árvores e deslizamento de terra em algumas cidades. Não há informação de famílias desabrigadas pelo temporal.

> Receba notícias de Blumenau por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Santa

A Defesa Civil de Santa Catarina emitiu um alerta máximo para o risco de descargas elétricas, alagamentos e chuva de granizo no Vale do Itajaí O alerta iniciou às 16h40min e seguiu até as 19h. O fenômeno ocorreu por conta da atuação de uma onda de baixa pressão que deixa o tempo instável em Santa Catarina neste fim de semana.

> Alerta de chuva forte traz risco de alagamentos e deslizamentos de terra para SC

Blumenau

A Defesa Civil recebeu três chamados por causa da chuva. Houve uma queda de árvore na Rua Arnold Hemmer, no bairro Badenfurt. A Guarda de Trânsito esteve no local para desobstruir a estrada.

Outro chamado, em atendimento às 17h40, tratava de um deslizamento de terra em via pública na Vila Bromberg. Equipes da prefeitura foram ao local para verificar a situação. Uma equipe também foi deslocada à Rua Amadeu da Luz, no Centro de Blumenau, para uma ocorrência, à princípio, de infiltração.

Presidente Getúlio

O volume de chuva expressivo em pouco tempo acabou alagando um trecho Rua Curt Hering, no Centro da cidade, mas não invadiu nenhum imóvel. A prefeitura informou ainda que uma comunidade no interior ficou sem acesso por causa da chuva.

Rodeio

Houve registro de alagamentos nos bairros Glória e Nova Brasília. Segundo a Defesa Civil do município, a água subiu rapidamente em algumas ruas, mas em questão de cinco minutos já baixou. Nenhum imóvel foi afetado e os bombeiros não receberam chamados de emergência.

Taió

Taió foi a cidade do Alto Vale com o maior volume de chuva acumulado. Foram 35,6 milímetros em seis horas, entre a tarde e noite, confome dados da Defesa Civil do Estado. Uma barreira caiu na SC-114, próximo à entrada da cidade, e deixou o trânsito parcialmente bloqueado. Houve queda de muro na Rua Padre Eduardo, Centro, e a Rua Francisco Tomazzoni ficou alagada, com cerca de 40cm de água, sendo necessário resgatar um motorista de um carro que estragou ao passar pelo alagamento.

Trombudo Central

Na BR-470, entre Trombudo Central e Agronômica, uma árvore caiu na pista em virtude do temporal. Os bombeiros precisaram ser acionados para fazer a remoção e desobstruir a estrada, que ficou em meia-pista por cerca de 30 minutos.

Balneário Camboriú

Uma árvore caiu sobre um carro estacionado em uma rua de Balneário Camboriú. Os bombeiros fizeram o corte e liberaram a passagem da via. O carro foi danificado, mas ninguém se feriu.

Colunistas