nsc
    an

    Trânsito

    Ciclista morre ao ser atropelado por motorista com suspeita de embriaguez em Joinville 

    Atropelamento aconteceu por volta das 23h30 desta terça-feira, na zona Leste da cidade

    28/08/2019 - 08h13 - Atualizada em: 28/08/2019 - 21h17

    Compartilhe

    Gabriela
    Por Gabriela Florêncio
    Ciclista não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local
    Ciclista não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local
    (Foto: )

    Um ciclista morreu após ser atropelado por motorista com suspeita de embriaguez em Joinville. De acordo com informações da Polícia Militar (PM), o condutor foi preso em flagrante após o acidente porque aparentava sinais de consumo de bebidas alcoólicas.

    O atropelamento aconteceu por volta das 23h30 desta terça-feira (27), na rua Prefeito Baltazar Buschle, no bairro Espinheiros, na zona Leste da cidade.

    A vítima, identificada como Adelson Candido, de 50 anos, foi socorrida pelo Samu após ser atropelada, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. À PM, o motorista do carro relatou que trafegava no sentido Centro/bairro quando o ciclista atravessou na sua frente.

    O motorista e o veículo foram encaminhados à Central de Polícia de Joinville. O corpo da vítima foi recolhido pelo Instituto Geral de Perícias (IGP) e a bicicleta da vítima foi encaminhada a um familiar da vítima. Segundo o delegado Fábio Baja, responsável pelo inquérito policial, o motorista vai ser encaminhado para a audiência de custódia ainda na tarde desta quarta-feira.

    Depois, o juiz deverá decidir se a prisão em flagrante será convertida em prisão preventiva. Ainda conforme o delegado, o homem fez o teste do bafômetro que apontou 0,74 mg/L e comprovou o consumo de bebida alcoólica. O suspeito foi preso por homicídio culposo com aumento de pena decorrente da embriaguez, que pode resultar em pena de cinco a oito anos de prisão, além da perda da carteira de motorista.

    O prazo para conclusão do inquérito policial é de 30 dias. O delegado aguarda agora o exame cadavérico para saber a causa exata da morte e o laudo do local de crime para corroborar com as investigações, já que não há testemunhas sobre o caso.

    O enterro de Adelson será realizado na próxima quinta-feira (29) no cemitério São Sebastião às 9 horas. A reportagem não conseguiu informações sobre o velório da vítima.

    Leia também:

    VÍDEO: criminosos rastejam até o caixa para furtar conveniência em São Bento do Sul

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas