nsc
an

Chuvas em SC

Com moradores desalojados e desabrigados, Itapoá decreta situação de emergência 

Cidade no Litoral Norte de Santa Catarina já preparou estrutura para receber famílias que precisaram deixar suas casas

10/02/2020 - 10h41 - Atualizada em: 10/02/2020 - 11h41

Compartilhe

Cláudia
Por Cláudia Morriesen
foto mostra água tomando casas
Várias casas foram atingidas pela água em Itapoá
(Foto: )

As fortes chuvas do domingo (9) levaram mais de 80 pessoas a deixarem suas casas em Itapoá, no Litoral Norte de Santa Catarina. Na cidade, pelo menos 35 famílias estão desalojadas e 16 pessoas estão desabrigadas. Na manhã desta segunda-feira (10), há registros de alagamentos nos bairros Itapema do Norte, Barra do Saí, Cambiju e São José. O prefeito Marlon Neuber, em reunião com o Grupo de Ações Coordenadas de Itapoá, decidiu decretar situação de emergência na manhã desta segunda-feira.

O nível do rio Saí-Mirim, que corta boa parte da cidade, está 2,50 metros acima do nível normal, de acordo com informações da Defesa Civil. O Grupo de Ações Coordenadas já preparou uma estrutura de apoio no ginásio da Escola Frei Valentim, no balneário Princesa do Mar, para receber as famílias que estão desalojadas ou desabrigadas.

foto mostra alagamento em rua
Nível do rio Saí-mirim chegou a 2,5 metros nesta segunda-feira
(Foto: )

Segundo dados da Epagri/Ciram, o acumulado de chuvas registrado em 72 horas na área central de Itapoá chegou a 104 milímetros, um volume bastante expressivo e que desencadeou as inundações. A Defesa Civil percorre neste momento, juntamente com o Grupo de Ações Coordenadas, os pontos de alagamentos para retirar ou orientar famílias em situação de risco.

A Prefeitura ressalta que, diminuindo o volume de chuvas, a tendência é tudo voltar à normalidade em até uma semana, ou seja, até a próxima segunda-feira (17).

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Cotidiano

Colunistas