nsc

publicidade

Floripa Te Quero Bem

Como está a abertura de vagas nas creches públicas de Florianópolis

Capital disponibilizou 1.381 vagas com a construção de três unidades. Uma quarta está prevista para este ano. O compromisso é chegar a 4 mil vagas até o final de 2016

22/09/2014 - 15h18 - Atualizada em: 23/09/2014 - 12h39

Compartilhe

Por Redação NSC
Creche Municipal Professora Otília Cruz foi reformada e abriu vagas para 235 crianças
Creche Municipal Professora Otília Cruz foi reformada e abriu vagas para 235 crianças
(Foto: )

A expansão da oferta de vagas em creches da cidade, um dos objetivos do movimento Floripa Te Quero Bem, ainda tem menos da metade de suas metas concluídas. O programa, criado em 2011 para resgatar a qualidade de vida da cidade, estabeleceu duas metas para atender este propósito: criar 4 mil vagas no ensino infantil, construindo 26 creches, e permitir a matrícula no verão em 20 unidades de educação infantil. O prazo para a conclusão das metas é 2016.

Leia também: Florianópolis ganha academias ao ar livre, mas ainda faltam instrutores

Até o momento foram entregues três creches e uma está em fase de finalização. Com elas, as vagas foram ampliadas em 1.381, equivalente a 34,5%.

A cidade tem 87 unidades de educação infantil, 12.813 crianças atendidas e 1.227 cujos nomes já estão na lista de espera pelas novas unidades. A mais recente foi entregue na última quarta-feira, no bairro Coloninha, região continental de Florianópolis. A Creche Municipal Professora Otília Cruz foi reformada e abriu 235 vagas.

Cinco unidades já têm previsão

A Secretaria de Educação já tem contrato firmado para iniciar a construção de mais cinco creches até o final do ano, no modelo pré-moldado e com recursos Ministério da Educação. Serão duas no Rio Vermelho, uma na Cachoeira do Bom Jesus, uma no Ribeirão da Ilha e a última em Areias do Campeche. Cada unidade terá oito salas, podendo matricular cerca de 145 crianças e devem ser entregues em 2015.

Está prevista, ainda, a ampliação de mais três creches. Serão abertas 18 vagas na Creche Nossa Senhora de Lurdes (Agronômica) e na Creche Maria Terezinha Sardá, e 90 no Centro Educação Infantil Girassol, no Centro.

O Secretário de Educação de Florianópolis, Rodolfo Pinto da Luz, afirma que as obras estão no prazo e que será viável atingir a meta de 26 creches em dois anos.

- A execução das outras creches estava dependendo da assinatura do contrato com o Banco Interamericano de Desenvolvimento, no dia 14 de julho - diz.

O empréstimo de US$58,8 milhões dever ser empregado na construção de 19 creches e mais três escolas, superando a meta do Floripa Te Quero Bem. Ele estima que até o fim de 2015 o projeto seja licitado para construção em 2016. O custo médio de cada creche é de R$1,5 milhão e o empréstimo deverá ser pago em 25 anos.

Com relação às matrículas no verão, o projeto está mais avançado. Neste ano, 17 creches abriram nas férias, o que, segundo o secretário, foi suficiente para atender quase a totalidade da demanda. Em 2015, deve haver matrículas em 18 unidades e, no verão de 2016, em 20, conforme a meta.

O planejamento da prefeitura

Creches entregues:

Creche Otília Cruz (Coloninha)

Núcleo de Educação Infantil Gentil Mathias (Ingleses)

Creche Clair Bruger Souza (Canasvieiras)

Em fase de finalização:

Creche Hassis (Costeira do Pirajubaé)

Construções este ano:

Creche Canto da Coruja (Rio Vermelho)

Creche Rede Park (Rio Vermelho)

Creche Areais do Campeche

Creche Cachoeira do Bom Jesus

Creche Ribeirão da Ilha

Licitação e início das construções em 2015:

Creche Tapera

Creche Capoeiras 01

Creche Capoeiras 02

Creche Sol Nascente

Creche Vila Aparecida

Creche Morro do Céu

Creche Campeche

Creche Ingleses II

Creche Sítio Capivari

Creche Pantanal

Creche Morro do Horácio

Creche Quilombo

Creche Serrinha

Creche Estreito

Creche Monte Verde

Creche Chico Mendes II

Creche Saco dos Limões

Creche Rio Tavares

Deixe seu comentário:

publicidade