nsc
nsc

Evento mais charmoso da Ilha

Confraria Itapema fecha o ano com espumante espanhol na quarta edição do projeto

Bebida é produzida na região de La Mancha com práticas sustentáveis 

07/12/2020 - 08h58

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Confraria Itapema
(Foto: )

A quarta edição da Confraria Itapema, que neste ano se transformou em um grande encontro virtual, acontece neste 10 de dezembro. E para marcar a passagem para 2021, a box enviada para a casa dos participantes vai contar com uma garrafa de Ophicus Brut Cuvée, espumante espanhol selecionado pela Enoteca Decanter especialmente para dar o clima certo ao evento e harmonizar com as duas opções de receitas.

Um dos motivos da escolha, é claro, foi brindar o fim de um ano bastante atípico e marcante. E o espumante é perfeito para celebrações. Mas entre as razões também estão a versatilidade que a bebida tem para combinar com os mais diversos pratos e o frescor que cai muito bem para essa época mais quente. Segundo a sommelier Regina Essenburg, da Decanter, é uma daquelas bebidas que convidam para uma próxima taça.

- Espumante é a bebida das celebrações. E esse é de um frescor e delicadeza surpreendentes, com uma cremosidade incomum. Um espumante jovem e descontraído, perfeito para todos os momentos - diz a sommelier.

Tradição, sustentabilidade e sabor

Produzido pela Bodegas Lozano na região de La Mancha, na Espanha, o rótulo é elaborado seguindo uma série de práticas sustentáveis, da plantação das uvas até o engarrafamento. Isso porque a família que controla essa vinícola há quatro gerações mantém algumas técnicas tradicionais de preparo desde 1853. A atenção à qualidade e umidade do solo no clima seco, à intensa variação de temperatura e ao momento certo para a colheita se somam a todo o esforço no preparo.

As uvas Airén (80%), Verdejo (15% ) e Sauvignon Blanc (5%) do Ophicus Brut Cuvée são colhidas manualmente quando estão em perfeito estado de amadurecimento. Depois do desengace, quando se separam as uvas dos cachos, é feito o esmagamento e em seguida a primeira fermentação. Por fim, uma segunda fermentação em tanques de aço para então ir para a adega, onde a bebida fica por três meses antes de ser distribuída.

Os participantes da Confraria Itapema vão experimentar o ápice de todo esse processo e identificar características como a leveza, a jovialidade e o “conforto de boca” causado pela cremosidade da espuma.

- Creio que a maioria poderá perceber os aromas cítricos e de flores brancas, emoldurados pelos tons de pera e maçã verde - adianta Regina.

Harmonização

Junto na box, quem participar ainda vai receber em casa os ingredientes para um dos pratos pensados por Fafá Flores, do Flor & Sal, para esta edição. Com o passo a passo e acompanhamento do chef, vão ser preparados frutos do mar ou cogumelos portobelo com arroz cremoso de sálvia e limão siciliano. Dois pratos perfeitos para se harmonizar com um ótimo espumante.

>> A cozinha com propósito de Fafá Flores na quarta noite da Confraria Itapema

Tudo isso com a companhia do comunicador Pedro Leite e de convidados especiais. E para quem quiser alongar a experiência da Confraria, a recomendação da sommelier é de outros dois rótulos da mesma vinícola: o vinho o branco Marquês de Toledo Verdejo para quem quiser beber um pouco mais durante o jantar, e o tinto Marquês de Toledo Crianza Tempranillo para finalizar a noite, após a refeição.

Acompanhe a programação da Confraria Itapema​​​​​

Esse projeto é uma realização da Itapema e conta com o oferecimento dos parceiros Bellacatarina, Grupo Geração, Formacco Cezarium, Unicred, Decanter, Casas da Água e Midea.

Colunistas