A presidente Dilma Rousseff fez questão de reforçar as suas raízes no PDT durante a cerimônia de posse dos novos ministros. Ao saudar Manoel Dias, que assume o Ministério do Trabalho no lugar de Brizola Neto, Dilma fez questão de afirmar:

Continua depois da publicidade

– Conheço Manoel Dias há mais de 30 anos. Sei da capacidade jurídica dele e com comprometimento com as questões nacionais. Meu querido Maneca!

Dilma já deixou claras as missões do antigo colega de partido. Ele deve reforçar os Sines, o atendimento aos trabalhadores “na ponta”. A troca no Ministério do Trabalho, no entanto, é política.

Com a nomeação de Dias, Dilma retoma as relações com o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, e desenha para 2014 o apoio integral do partido ao projeto de reeleição. Para deixar claro esse apoio, Lupi estava na cerimônia de posse. Momentos depois dos discursos, já conversava com jovens pedetistas, articulando o que será a equipe de Maneca.

Continua depois da publicidade

Manoel, no entanto, reconhece que o PDT ainda não está pacificado. À frente do Ministério do Trabalho, além de reforçar a pasta que vem sendo esvaziada ao longo dos anos, terá o desafio de conquistar a confiança da bancada na Câmara e preparar o caminho para 2014.

Destaques do NSC Total