O corpo da menina de quatro anos que desapareceu após cair no rio Hipólito, em Pedras Grandes, no Sul de Santa Catarina, foi encontrado no início da tarde desta quarta-feira (27), segundo comunicou a equipe local do Corpo de Bombeiros Militar catarinense (CBMSC) empenhada até então nas buscas. A identificação da vítima ainda deverá ser confirmada, no entanto, pela Polícia Científica.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

A criança foi achada em um trecho em que o curso d’água atravessa o bairro da Guarda, já no município de Tubarão. O local está a 13 quilômetros de distância do ponto em que a menina escorregou em uma pedra e caiu no rio, no bairro Ilhota, em Pedras Grandes, no último domingo (24).

As buscas cobriram 60 quilômetros do rio e foram encerradas por volta das 13h15, após seis horas e meia de trabalho no dia. Foram empenhadas duas embarcações infláveis em um trecho, com equipes superficiais e subaquáticas, além de drones. Já uma outra equipe saiu do Molhes, em Laguna, e fez buscas até a região do centro de Tubarão, com uso de uma embarcação e uma motoaquática.

O NSC Total tentou contato com a Polícia Científica, a quem compete confirmar a identificação de vítimas, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

Continua depois da publicidade

Leia também

Rodovias de SC registram aumento de 33% no número de acidentes neste Natal

Idoso morre em grave acidente de bicicleta no Oeste de SC

Quem são as vítimas do triplo assassinato contra família em ceia de Natal no Paraná

Destaques do NSC Total