Fotógrafo dos mais tarimbados em Santa Catarina, acostumado a clicar campanhas e editoriais de moda, Walmor de Oliveira agora volta seu olhar para uma nova mulher. A que usa o corpo para se empoderar e faz da nudez um grito contra o machismo. Seu projeto Corpo Meu, Mando Eu quer chamar a atenção para a violência contra a mulher e ajudar no processo de autoestima feminina, independente de biotipos ou estereótipos.

Continua depois da publicidade

Oportunidade: debate reúne time de peso em Floripa para discutir economia criativa

Walmor já fotografou 50 mulheres para o projeto com perfil no Instagram (@corpomeumandoeu). Cada foto, produzida com o olhar sensível, que caracteriza o trabalho do fotógrafo, é postada acompanhada de um depoimento pessoal e emocionante da retratada. Vale conferir!

Em Floripa, Preta Gil fala sobre racismo, padrão de beleza e o carinho pelo público catarinense

Na foto abaixo, a cantora Emília Carmona, 36 anos, ao lado da filha Clara, na foto com oito meses. No futuro, a ideia é transformar o projeto em livro e exposição itinerante.

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total