publicidade

Série B

Criciúma vence a primeira fora de casa sobre o Brasil-RS e deixa o Z-4

Tigre encerrou a sequência positiva do time gaúcho

11/06/2019 - 21h07 - Atualizada em: 11/06/2019 - 21h15

Compartilhe

Lariane
Por Lariane Cagnini
Reis, abraçado por Léo Gamalho, marcou o gol no primeiro tempo
(Foto: )

Demorou oito rodadas, mas o Criciúma conquistou a primeira vitória fora de casa na Série B. O Tigre venceu o Brasil-RS por 1 a 0 na noite desta terça-feira, no Bento Freitas, e deixa o zona de rebaixamento. O triunfo também dá fim à campanha positiva que vivia o time gaúcho, embalado por três vitórias seguidas. Em 15º na tabela, o Tigre vai para a parada da Copa América com mais três pontos na competição.

Confiantes pelo momento do clube na Série B, os donos da casa levaram perigo ao gol de Luiz logo aos seis minutos. Murilo Rangel cabeceou com perigo, mas o capitão carvoeiro garantiu a defesa. O Criciúma não se intimidou, começou a trabalhar o toque de bola, e deu resultado. Aos 24, Vinicius cruzou para o meio da área, Léo Gamalho deixou a bola passar e Reis chutou colocado, no capricho, sem chance para o goleiro Carlos Eduardo.

O jogo continuou pegado, e aos 37, o Tigre quase sofreu o gol de empate. Luiz saiu da área para afastar o perigo e no chute, adiantou a bola e entregou de bandeja para o adversário. Marcinho mandou por cobertura, mas Federico Platero estava bem posicionado e afastou de cabeça. Aos 44, Liel chutou de primeira após cobrança de escanteio e a bola passou pertinho do gol.

A primeira mudança do Brasil foi no intervalo, e até os 18 minutos da etapa final, Rogério Zimmermann já tinha realizado as três mexidas possíveis. A estratégia não surtiu muito efeito, e o time gaúcho continuou com dificuldade para chegar ao campo de ataque com perigo. Nas alterações promovidas por Gilson Kleina, o Criciúma se compactou e conseguiu segurar o resultado.

FICHA TÉCNICA - Brasil-RS x Criciúma

Gol: Reis, do Criciúma, aos 24 do primeiro tempo.

Cartões amarelos: Reis, Luiz, Marlon, Reinaldo, Caique, do Criciúma. Leandro Camilo, do Brasil.

BRASIL-RS - 0

Carlos Eduardo; Ednei (Ricardo Luz), Leandro Camilo, Bruno Aguiar e Sousa; Douglas Baggio (Bruno Paulo), Leandro Leite, Carlos Jatobá e Murilo Rangel (Daniel Cruz); Marcinho, Rafael Grampola. Técnico: Rogério Zimmermann.

CRICIÚMA - 1

Luiz; Marcos Vinícius, Federico Platero, Derlan e Marlon; Liel, Wesley e Eduardo (Jean Mangabeira); Reis (Reinaldo), Vinícius (Caique) e Léo Gamalho. Técnico: Gilson Kleina.

Arbitragem: José Cláudio Rocha Filho, auxiliado por Anderson José de Moraes Coelho e Daniel Paulo Ziolli (trio de SP).

Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS).

Público: 3.054.

Renda: 47.440,00.

Deixe seu comentário:

publicidade