nsc
    an

    Televisão

    Catarinense Dayane Mello participa da final do Big Brother na Itália

    Reality show chega ao fim nesta segunda-feira, após quatro meses de polêmicas envolvendo a brasileira e comoção de brasileiros nas votações

    01/03/2021 - 15h38 - Atualizada em: 01/03/2021 - 16h08

    Compartilhe

    Cláudia
    Por Cláudia Morriesen
    foto mostra dayane mello
    Dayane Mello passou por 11 paredões antes de ser escolhida para ir direto para a final do Gran Fratello Vip
    (Foto: )

    Dayane Mello, a catarinense que causou comoção no Brasil e na Itália ao participar — e polemizar — no Big Brother da Itália, o Gran Fratello Vip, participa da final do reality show nesta segunda-feira (1º). O programa vai ao ar entre 17h45 e 21h30, no horário de Brasília. Dayane é modelo, natural de Joinville, mas mudou para Lontras, no Vale do Itajaí, aos seis anos. 

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    É lá que o pai dela e o irmão mais velho, Juliano Mello, se reunirão para acompanhar a final do Gran Fratello Vip nesta noite. Eles ainda irão participar do programa, com entradas ao vivo via aplicativo de vídeoconferência. Será um encerramento também para a família de Dayane, que a viu sofrer com misoginia dentro e fora do programa e perdeu, enquanto estava confinada, o irmão mais novo, Lucas. 

    O jovem faleceu em um acidente de carro na SC-470 em 2 de fevereiro. Ela foi chamada ao confessionário da casa para receber a notícia e teve o direito de assistir ao velório do caçula

    — O Lucas era o maior torcedor que ela tinha no programa. Ele estaria muito feliz hoje, assistindo à ela na final. Meu pai ainda está muito abalado, vivemos um momento de alegria por ela e de tristeza por perdê-lo, uma tristeza que nunca vai acabar — afirmou Juliano. 

    Dayane conquistou a vaga na final do Gran Fratello Vip ainda em 25 de janeiro, em uma votação aberta ao público para escolha de um participante que iria direto para a grande final do programa. O público italiano acusa os brasileiros de promoverem uma votação massiva pela catarinense tanto nos 11 paredões dos quais ela participou quanto na escolha da primeira finalista. O engajamento dos brasileiros foi inspirado principalmente pelos ataques que a modelo sofreu.

    Dayane recebeu comentários xenofóbicos e machistas no programa e nas redes sociais. Por outro lado, foi acusada pelos demais concorrentes de ser manipuladora e de ter feito comentários considerados gordofóbicos. Recentemente, ela engatou um romance com outra participante, e foi acusada de "revelar" sua bissexualidade para ganhar público. Os italiano chegaram a fazer mutirão para salvar Karol Conká no Big Brother Brasil, como provocação pela votação massiva dos brasileiros por Dayane.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Entretenimento

    Colunistas