nsc
dc

Tempo

Defesa Civil monitora rio que corre risco de transbordar em Lages

Em 72 horas, cidade registrou queda de 97 mm de chuva

23/06/2022 - 17h35 - Atualizada em: 23/06/2022 - 18h17

Compartilhe

Luana
Por Luana Amorim
Equipes monitoram situação do rio na cidade
Equipes monitoram situação do rio na cidade
(Foto: )

A Defesa Civil de Lages, na serra catarinense, monitora a situação do Rio Carahá, que corta a cidade. Isto porque há risco de transbordamento devido às chuvas que atingem a região, o que pode causar alagamentos em alguns pontos da cidade. 

Receba notícias do DC via Telegram

De acordo com o órgão municipal, por volta das 16h, a medição do rio estava em 4m33cm. O alagamento ocorre quando ele atinge nível de 4m50cm. 

> Chuva faz asfalto ceder, destelha casas e alaga ruas no Meio-Oeste de SC

Por conta disso, equipes seguem em alerta na região. Segundo a Defesa Civil, só nas últimas 72 horas, a cidade registrou cerca de 97 mm de chuva. Na noite desta quinta-feira (23), algumas do municípios registraram alagamentos. 

Queda de granizo e chuva provocam estragos em SC pelo 2º dia seguido

Durante o dia a equipe atendeu uma queda de muro, que ocorreu devido às chuvas. O acidente não teve feridos. 

Leia também: 

Chapecó terá "operação de guerra" após chuva afetar 1,5 mil pessoas

Adriano Silva defende reforma para “acelerar obras” e faz apelo pela aprovação

Colunistas