nsc
an

Mar em fúria

Divulgados nomes de pescadores que estavam em barco que naufragou em São Francisco do Sul

Patrulhas trabalham nas buscas de cinco homens que ainda continuam desaparecidos

04/09/2013 - 08h21 - Atualizada em: 05/09/2013 - 05h25

Compartilhe

Por Redação NSC
As buscas pelos cinco pescadores desaparecidos continuam pela região
As buscas pelos cinco pescadores desaparecidos continuam pela região
(Foto: )

A Capitania dos Portos divulgou no final da manhã desta quarta-feira a lista dos pescadores que estavam no barco pesqueiro Vô João G., que naufragou com 17 homens em de São Francisco do Sul, no litoral Norte de SC, na madrugada desta quarta-feira. Eles foram atendidos pelos Bombeiros Voluntários de São Francisco do Sul.

Os pescadores foram encontrados dentro de um bote salva-vidas, muito assustados, na Praia Grande, e levados à UPA Sandra Regina, em Ubatuba, dentro de um caminhão baú, possivelmente de uma peixaria da cidade para a qual pediram socorro. Todos passam bem e foram liberados as 15h.

Cinco pescadores ainda estão desaparecidos. Quatro mergulhadores foram chamados para auxiliar nas buscas. Nesta tarde, também participam do resgate o helicóptero dos bombeiros de Florianópolis, os bombeiros de Barra Velha, São Francisco do Sul e Barra do Sul, além da Capitania dos Portos. A empresa dona do barco pesqueiro também enviou outras embarcações da frota para reforçar a procura.

O acidente ocorreu a quatro milhas náuticas das Ilhas Tamboretes, aproximadamente 8 quilômetros. A informação chegou à Capitania às 8 horas. Uma das possibilidades é que a ação dos ventos e do mar fizeram a embarcação virar.

Pescadores resgatados:

Mario Cesar Jacinto

Ivaldo Batista Silva

Cleber De Brum

André Dias Martins

Ricardo Fidelis

João Carlos Holer

Dorival de Silveira

Sérgio Nascimento

Luis Carlos Souza Carmo

Cleber Ilson Soares

Edenilson Soares

Osvaldino Junior Azevedo

Ainda desaparecidos:

Cedenir do Nascimento

Rudnei Peixoto

Carlos Alberto Souza

Emerson Luis

Laureci Batista

O barco pesqueiro é de propriedade da empresa J.Gonçalves, de Florianópolis, seguia para o Rio de Janeiro, e estava licenciado para a pesca de tainha. O acidente ocorreu na jurisdição da Capitania dos Portos de São Francisco do Sul, que já abriu um procedimento administrativo para apurar a causa do acidente. A conclusão deve sair em até 90 dias.

No último sábado, outro barco de pescadores também virou, em Balneário Barra do Sul. Nele, dois homens foram resgatados com vida. Um continua desaparecido, mas as buscas já foram encerradas.

Colunistas