nsc
an

Crime

Dupla que matou família com incêndio em casa é condenada em Guaramirim

Mãe e filho morreram carbonizados após desavença com os autores

03/08/2021 - 09h04

Compartilhe

Lucas
Por Lucas Paraizo
Polícia
Os dois envolvidos já estavam presos preventivamente
(Foto: )

A Justiça julgou e condenou dois homens que mataram uma mãe e seu filho carbonizados em Guaramirim, no Norte catarinense, em 2019. O crime teria ocorrido após uma discussão e acabou com o óbito de Iracema Santna Rodrigues e seu filho, Mateus Santana Rodrigues Pereira do Santos.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

O Tribunal do Júri seguiu o entendimento da denúncia do Ministério Público e condenou os denunciados com as qualificadoras de motivo fútil e emprego de fogo.

O caso ocorreu após uma discussão envolvendo os dois condenados e as vítimas em um bar em Guaramirim. Eles estariam bebendo e se desentenderam, em uma confusão que seguiu até a residência de Iracema e o filho.

Na casa, um dos condenados teria acusado Iracema de roubo. As duas vítimas foram agredidas com socos e chutes, e Mateus chegou a ser atingido também com um pedaço de madeira. Com ambos desacordados, os dois homens condenados atearam fogo em uma cortina e trancaram a casa. As duas vítimas morreram no incêndio.

Os homens foram condenados por homicídio duplamente qualificado - por motivo fútil e emprego de fogo. Um deles terá que cumprir a pena de 32 anos de reclusão, em regime fechado. Ele teve a prisão preventiva mantida. O outro terá que cumprir a pena de 24 anos de reclusão, em regime fechado. Ele teve a prisão domiciliar mantida, com uso de tornozeleira eletrônica, por ter 73 anos e possuir doença grave. A decisão permite recurso, mas não em liberdade. 

Leia também

Cachorro morre após ser encontrado amarrado em trilho de trem em Joinville

Mulher trans é agredida em tentativa de homicídio em Araquari

Bolsonaro em Joinville: como será a agenda do presidente na passagem pela cidade

Colunistas