nsc
    an

    Política

    Eleições 2020: candidatos a prefeito de Joinville já arrecadaram mais de R$ 1 milhão para campanha

    Cerca de 80% do total saíram do Fundo Eleitoral e foram repassados pelos partidos aos candidatos

    20/10/2020 - 10h48 - Atualizada em: 20/10/2020 - 13h16

    Compartilhe

    Hassan
    Por Hassan Farias
    Primeiro turno da eleição municipal acontece em 15 de novembro
    Primeiro turno da eleição municipal acontece em 15 de novembro
    (Foto: )

    Os candidatos a prefeito de Joinville já declararam R$ 1,2 milhão em arrecadação para a campanha nas Eleições 2020. Os dados constam no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e mostram que o repasse de recursos pelos partidos ainda é a principal fonte de financiamento das campanhas na cidade.

    > Em site especial, saiba tudo sobre as Eleições 2020 em SC

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do A Notícia

    Candidato do Podemos, o empresário Ivandro de Souza é o que teve maior arrecadação até o momento, com R$ 384 mil. Em seguida, aparece Tânia Eberhardt (Cidadania) com R$ 300 mil e Doutor Dalmo (PSL), com R$ 200 mil. Outros seis candidatos ainda não declararam arrecadações ao TSE.

    O repasse de recursos via diretórios dos partidos é a principal fonte dos concorrentes à prefeitura. Pouco mais de R$ 1 milhão foi destinado aos candidatos desta forma, o que representa 81% do total. E quase todo esse valor é proveniente do Fundo Eleitoral, criado em 2017 para o financiamento das campanhas em todo o Brasil. 

    Na prática, os partidos recebem o valor do fundo e dividem entre os diretórios, que repassam aos candidatos para uso durante a campanha. Desta forma, Doutor Dalmo, Ivandro de Souza, James Schroeder (PDT) e Tânia Eberhardt receberam recursos do Fundo Eleitoral. 

    Em relação às doações por pessoas físicas, apenas dois candidatos foram beneficiados por essa modalidade de financiamento até agora, o que mostra que ela ainda não ganhou força na cidade. Fernando Krelling (MDB) recebeu R$ 23,6 mil e Mayara Colzani (PSOL) ganhou R$ 820 em doações.

    > Relembre como foi a votação por bairros para prefeito de Joinville em 2016

    Há ainda os candidatos que até o momento têm bancado a campanha apenas com recursos próprios, como é o caso de Anelisio da Assessoritec (Avante) e Comandante Nelson Coelho (Patriota). Eles doaram às próprias campanhas os valores de R$ 55 mil e R$ 58,5 mil, respectivamente.

    Todo recurso arrecadado pelos candidatos precisa ser declarada ao TSE em até 72 horas após o recebimento e a prestação de contas referente ao primeiro turno deve ser feita até 15 de dezembro.

    > Eleições 2020: veja as propostas dos candidatos a prefeito de Joinville

    Leia mais:

    > Proposta cita criação de secretaria para pavimentação e zeladoria em Joinville

    > Proposta sugere novo mercado público em área de terminal de ônibus em Joinville

    > Ampliação da duplicação da Santos Dumont entra nas propostas

    > Movimento quer a volta da Fundação Cultural em Joinville

    > Eleições em Joinville: candidatos preparam estratégia sobre Bolsonaro

    > Ponte de mais R$ 100 milhões ainda distante da campanha em Joinville

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Política

    Colunistas