nsc
    dc

    Esclarecimento

    Em nota, Cunha nega participação em decisão de Maranhão

    Deputado divulgou explicações criticando presidente interino da Câmara, que nesta segunda-feira anulou o processo de impeachment na Casa

    09/05/2016 - 12h27

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    "Condeno as insinuações de qualquer natureza (...) de qualquer participação minha no episódio", diz nota de Eduardo Cunha
    "Condeno as insinuações de qualquer natureza (...) de qualquer participação minha no episódio", diz nota de Eduardo Cunha
    (Foto: )

    O deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afastado da presidência da Câmara dos Deputados pelo Supremo Tribunal Federal, negou, nesta segunda-feira, por meio de nota divulgada à imprensa, que tenha participado da decisão do presidente em exercício da Casa, deputado Waldir Maranhão (PP-MA), em anular o processo de impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff.

    Leia mais:

    Costurada no final de semana, anulação segue padrão inconstante de Maranhão

    OAB vai recorrer no STF da anulação do impeachment

    Confira a íntegra da decisão de Waldir Maranhão

    Para juristas, decisão que anulou votação de impeachment é questionável e deve ser revertida

    Segundo o texto "a decisão do presidente em exercício da Câmara do Deputados, é absurda, irresponsável, antirregimental e feita à revelia do corpo técnico da Casa".

    O presidente afastado da Câmara dos Deputados diz ainda que "a participação do advogado-geral da União e do governador do Maranhão na confecção da decisão mostra a interferência indevida na tentativa desesperada de evitar a consumação, pelo Supremo Tribunal Federal, da instauração do processo".

    Cunha finaliza a nota afirmando condenar as insinuações "publicadas por jornalistas inescrupulosas" de que teve participação no episódio.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas