nsc
nsc

Sebrae Acelera Negócios

Empresa catarinense inicia exportação para Europa depois de consultoria com Sebrae/SC

Com inovação, eficiência e soluções com rápido retorno de investimento, a Allkaz está driblando as turbulências na economia e registrando resultados surpreendentes

02/08/2019 - 13h32 - Atualizada em: 25/09/2019 - 14h27

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
(Foto: )

A empresa Allkaz, sediada em Biguaçu, na Grande Florianópolis, fabrica máquinas para ensacamento de materiais das mais variadas características. Leves e de fácil locomoção, os equipamentos funcionam tanto com granulados secos ou úmidos quanto com substâncias em pó: areia, argamassa, brita, adubo orgânico e asfalto frio, entre outras aplicações.

— Já vendemos mais de 600 máquinas no Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Estados Unidos e República Dominicana. A meta, agora, é ampliar a exportação para o mercado recentemente conquistado, a Europa — comemora o proprietário Valter Biason.

Para alcançar a nova meta, o empresário encontrou barreiras. O mercado europeu apresentou exigências para as quais a empresa precisaria de adequações.

— Nós abrimos negociações para exportar para a Europa mas, para isso, era necessário o certificado CE, que indica que o produto está em conformidade com a Comunidade Europeia e o credencia a ser comercializado naquele continente.

Frente ao empecilho, Biason procurou por consultoria e encontrou no Sebrae/SC a orientação necessária para obter a certificação.

— O Sebrae foi um grande parceiro, nos auxiliando para que obtivéssemos essa certificação. Com o CE, além de podermos vender para os países europeus, nosso produto se tornou bem mais aceito, inclusive no Brasil e no mercado latino-americano — completa o proprietário.

Transformação estrutural

Além do auxílio com a documentação necessária para expandir o mercado, o proprietário viu no Sebrae/SC a oportunidade de realizar cursos que estruturasse melhor a empresa.

— Participamos de um Programa chamado GIR – Gestão de Indicadores e Resultados e pudemos rever práticas em áreas como finanças, marketing, planejamento e vendas, o que nos ajudou em todos os setores da empresa.

A primeira mudança foi no fluxo de caixa: antes, era uma mistura de valores da pessoa física com a pessoa jurídica, agora há uma separação total.

— Na parte financeira, o Sebrae também nos abriu os olhos para o prazo “elástico” que estávamos dando para os clientes, com pagamento em até 12 vezes. Essa postura estava nos dando um baixo fluxo de caixa.

Para as outras áreas, dicas como investimento em assessoria de imprensa e qualificação da equipe de vendas trouxeram retornos imediatos, aperfeiçoando a relação com os compradores.

— Também reavaliamos o layout da empresa, para que pudéssemos ter uma produção em escala que fosse viável ao nosso tamanho — completa o proprietário Valter Biason.

Mesmo com alguns pontos de melhorias ainda pendentes, Biason ressalta que a consultoria do Sebrae transformou o mindset da empresa e as orientações da entidade agora fazem parte da cultura da Allkaz.

— O Sebrae tem consultores altamente qualificados. Então eles sabem como é o dia a dia da atividade e, para quem é iniciante como a gente, uma empresa com quatro anos de vida, é muito bom poder contar com todo esse aparato de profissionais a nos dizer que caminhos tomar para crescer — finaliza.

Agende uma consultoria com o Sebrae

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Especiais Publicitários

Colunistas