nsc

publicidade

Laura Coutinho 

Entrevista: curtindo férias em Floripa, Barbara Evans fala sobre a estreia como atriz em Dois Irmãos 

08/01/2017 - 12h05

Compartilhe

Por Redação NSC

Entre dias de sol e noites de balada em Jurerê, Bárbara Evans curtiu distraída àqueles que deveriam ser seus últimos dias de passeio tranquilo, praticamente sem assédio e com fama relativa. É que nesta segunda (9), a carioca passa de modelo, ganhadora do programa A Fazenda e filha de Monique Evans à protagonista de Dois Irmãos, nova minissérie da Globo. Na trama, ela interpreta a jovem Lívia, que será disputada pelos gêmeos Omar e Yaqub interpretados por Cauã Reymond e que dão nome à história inspirada na obra de Milton Hatoum.

Foi exatamente aqui, que, há dois anos, Bárbara foi chamada para voltar ao Rio de Janeiro antecipadamente para receber o convite.

- Eu estava aqui no Ano Novo de 2014 para 2015 quando me chamaram e tive que ir embora para o Rio de Janeiro mais cedo. Quando cheguei lá, tive esse grande notícia. Foi um presente - conta, relembrando o convite de Luiz Fernando Carvalho, um dos diretores mais respeitados da dramaturgia atual que recentemente elogiou o trabalho da estreante: ¿ era a energia que eu precisava¿.

Ainda sem assessoria e amparada por uma amiga que fez as vezes de interlocutora na entrevista a seguir, concedida em áudios de what¿sapp depois de dias esperando uma brecha entre a areias da praia e a baladas no Donna e na Milk, Bárbara comentou a experiência e falou sobre o nervosismo da mãe, Monique.

- Ela está superorgulhosa e muito ansiosa para a estreia. E me deu muitos conselhos de mãe, além de incentivar essa nova fase da minha vida – contou a atriz de 25 anos, emendando um emoji de coração quando menciona Monique, a mãe que foi ícone de beleza nas décadas de 80 e 90 e uma das modelos mais famosas que o país já teve.

(Foto: )

Por que escolheu Floripa para o Réveillon pelo segundo ano?

Adoro a energia de Floripa, tenho amigas e família aqui e adoro passar o ano novo em Santa Catarina quando não estou fora do Brasil.

Sabemos que a minissérie Dois Irmãos, que você estrela e que estreia no dia 9 de janeiro, já foi toda gravada há algum tempo. Como está sendo segurar a ansiedade e expectativa para essa estreia?

Tem um ano e maio que a minissérie foi gravada, tive muito mais ansiedade em 2015. Mas agora, com o dia da estreia se aproximando, volta o frio na barriga. Estou muito ansiosa para ver o resultado final e saber o feedback da pessoas.

Como foi a preparação para atuar?

Tive preparação com todo o elenco na Globo, aulas de interpretação, dança, corpo e voz. A personagem vai evoluindo, tive que aprender a mudar a voz dela por conta disso. Também tive que aprende algumas palavras de francês porque a Lívia é francesa.

Sua personagem é central na trama na obra inspirada no livro de Milton Hatoum. Como foi interpretá-la?

Foi maravilhoso. A Lívia é muito decidida, mas também muito misteriosa: ela não deixa ninguém entender o que ela está pensando ou tramando. Ela é o anjo e o demônio ao mesmo tempo.

Qual foi a parte mais incrível da primeira experiência como atriz?

Estar ao lado de um grande elenco, com pessoas renomadas e poder aprender. Aprender a estar na cena, dentro da personagem. Foi viver um sonho.

E qual foi o maior desafio?

Estrear logo na Globo é muita responsabilidade, anda mais com um grande elenco, com atores consagrados da emissora, como Antonio Fagundes.

Você já estreia com pé direito: Luiz Fernando Carvalho, um dos diretores mas respeitados e premiados da teledramaturgia, em um minissérie inspirada em uma grande obra da literatura brasileira. Como aconteceu essa seleção?

Foi um convite. Recebi o convite do diretor para fazer a minissérie. E eu estava aqui, foi no Ano Novo de 2014 para 2015. Me chamaram e tive que ir embora para o Rio de Janeiro um pouco ates. Quando cheguei lá, tive esse grande notícia. Foi um presente.

Na trama, sua personagem Lívia é disputada pelos dois gêmeos que nomeiam a obra e que na minissérie são interpretados por Cauã Reymond que protagonizou cenas quentes com você. Você sentiu vergonha ou constrangimento nas cenas de sexo e nudez?

Não senti vergonha nem constrangimento, foi tudo superprofissional. Tive ajuda de todos. No fim, foi tudo muito espontâneo e acho que saiu legal. O Cauã é super do bem, ele me acolheu muito. Como era meu primeiro trabalho, ele teve que ter muita paciência comigo, mas a gente se deu superbem.

A personagem Livia em duas épocas de minissérie que estreia nesta segunda (09)
A personagem Livia em duas épocas de minissérie que estreia nesta segunda (09)
(Foto: )

Depois dessa primeira experiência, você planeja seguir na carreira de atriz? Já pintaram mais convites?

Ainda não. Mas tenha essa expectativa para a estreia. Quero sim, seguir a carreira de atriz e modelo. Espero continuar nesse meio, acho incrível como, atuando, você sai de uma energia de um choro, de uma ação forte, para um sorriso, uma alegria. É difícil, mas gostei muito e quero continuar, além de seguir trabalhando como modelo.

Barbara por Jorge Bispo para Vip de janeiro
Barbara por Jorge Bispo para Vip de janeiro
(Foto: )

Deixe seu comentário:

publicidade