nsc

PREOCUPAÇÃO COM APRENDIZAGEM

"Estamos trabalhando para que a aprendizagem seja recuperada", diz secretário de educação de Joinville

Cerca de 17 mil alunos voltaram às aulas 100% presenciais nesta segunda-feira (13)

13/09/2021 - 16h21 - Atualizada em: 13/09/2021 - 18h15

Compartilhe

Jean
Por Jean Patrick
alunos em sala de aula
Prefeitura de Joinville fará avaliação de aprendizagem nos alunos do ensino fundamental
(Foto: )

Cerca de dezessete mil alunos da rede municipal de ensino voltaram hoje às aulas 100% presenciais em Joinville nesta segunda-feira (13). São alunos que estão no 4º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental. Eles estavam em sistema híbrido e agora se juntam aos alunos do 1º, 2º e 3º anos que já haviam retornado às aulas 100% presenciais em agosto.

> Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Diego Calegari, secretário de educação de Joinville, disse em entrevista à CBN Joinville nesta segunda-feira (13), que isso foi possível porque a volta das turmas anteriores tiveram uma avaliação positiva diante da pandemia.

- Nossa avaliação foi positiva e não tivemos nenhum problema. Nossas escolas conseguiram absorver muito bem esses alunos – disse.

Calegari disse que não houve casos positivos de Covid-19 que foram contaminados dentro das escolas. O novo regramento estadual, que define o distanciamento mínimo entre os alunos dentro da sala de aula em um metro – e não mais um metro e meio – também possibilitou essa volta. Só na hora das refeições, o distanciamento continua sendo de 1,5 metro.

O uso da máscara continua sendo obrigatório. Estudantes com comorbidades podem optar pelo ensino no modelo remoto. A volta para os alunos dos CEIs - os Centros de Educação Infantil – continua valendo o sistema híbrido, segundo o secretário.

- Estamos analisando por conta das dificuldades por conta das estrutura. Há escolas com salas de aula de tamanhos variados. E precisamos saber quando teremos uma segurança para poder voltar – falou Diego Calegari.

Sobre a o nível de aprendizagem dos alunos, que foi comprometido neste ano e no ano anterior, Calegari disse que haverá uma grande avaliação de aprendizagem.

- A partir dessa avaliação nós começaremos a tomar uma série de medidas, como a implantação do programa de reforço escolar que já está em funcionamento e será estendido para todas as escolas a partir do ano que vem. Também haverá um suporte com a rede de apoio e proteção. Estamos contratando profissionais para dar suporte aos alunos, escolas e família. Isso tudo para garantir que os alunos tenham a aprendizagem recuperada – destacou.

Ouça a entrevista completa com o secretário de educação de Joinville, Diego Calegari.

Colunistas