nsc
    dc

    Moda

    Estilo não tem idade

    Dica é misturar peças que fazem parte da sua história de vida com outras da última tendência

    07/06/2013 - 11h09 - Atualizada em: 07/06/2013 - 12h06

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    Modelo Heloisa Golin estrelou sessão de fotos no Centro de Floripa
    Modelo Heloisa Golin estrelou sessão de fotos no Centro de Floripa
    (Foto: )

    - Eu me visto para o teatro da minha vida todos os dias - diz Ilona Royce Smithkin, de 91 anos, moradora de Nova Iorque. Ruth Coben, de 101, muito estilo e ainda fazendo pilates, diz que a chave é ouvir o próprio corpo e usar roupas que valorizem a sua personalidade.

    Essas duas mulheres estão no blog Advanced Style, criado por Ari Seth Cohen, que todos os dias circula as ruas de Nova Iorque para fotografar mulheres cheias de estilo e em idade avançada.

    O blog se transformou num sucesso estrondoso. Está entre os 10 mais vistos do mundo e se prepara para virar filme - você já pode, inclusive, ver alguns trailers no YouTube.

    No blog, mulheres que há muito tempo passaram da linha que divide o trópico da maturidade, revelam que um guarda-roupa cheio de história, cores, acessórios, muito humor e criatividade, fazem da assinatura de estilo uma grande alavanca para a autoestima e pode provocar ondas de alegria para encarar o inevitável envelhecimento.

    Veja a galeria de fotos

    No editorial inspirado no blog de Ari, nossa modelo de 62 anos, Heloisa Golin, foi uma representante perfeita da nova revolução feminina protagonizada por essas mulheres de idades avançadas. Com manequim 38, cabelos brancos muito bem cuidados e leveza de espírito, ela encarou uma sessão de fotos no centro de Florianópolis com humor, enquanto recebia elogios e beijos dos passantes.

    Na produção de moda de Ana Luiza Trentini, a ideia foi mostrar que não importa a idade. O que importa é saber que estilo é uma construção, que pode ter o tempo como aliado.

    Misturar peças que fazem parte da sua história de vida com outras da última tendência, ousar nas cores, nos acessórios grandes e irreverentes, ainda mais agora que eles estão com tudo, pode render ótimos looks.

    O tempo e o espelho nos ensinam sobre as proporções do nosso corpo, sobre nossos gostos de cores e estampas. As roupas funcionam como armaduras para a vida diária. Se ela vai ser cinza e triste só cabe a você decidir.

    Colunistas