nsc
an

34º Festival de Dança

Estímulo Mostra de Dança incentiva grupos a criarem obras completas

Ela ocorre nesta terça e quinta-feira no Festival de Joinville

26/07/2016 - 03h32

Compartilhe

Por Redação NSC
'Monastério', do Balé da Cidade de Santos, será a atração da quinta-feira
'Monastério', do Balé da Cidade de Santos, será a atração da quinta-feira
(Foto: )

Em 34 anos de trajetória, é natural que o Festival de Dança de Joinville tenha visto passar bailarinos e grupos que, com o tempo, ganharam experiência e cresceram como profissionais. Por isso, há três anos foi criada a Estímulo Mostra de Dança, que tem o objetivo de incentivar aqueles que se destacam na Mostra Competitiva para criarem um espetáculo especial para o evento.

Em 2016, é a hora da Cia. de Dança do Teatro Alberto Maranhão, de Natal (com o espetáculo Andara); e do Balé da Cidade de Santos (com Monastério), que levam criações mais longas para o Teatro Juarez Machado nas noites de hoje e de quinta-feira, às 22 horas.

- Estes grupos se notabilizaram, principalmente, no quesito pesquisa, no gênero para o qual foram convidados a criar - afirma a curadora artística Thereza Rocha.

- O Festival acredita que pode ocupar um papel muito significativo na profissionalização de quem passa pelo evento ao dar um palco só para eles e sinalizar: "Vocês tem a possibilidade de galgar mais um patamar".

Confira a programação completa do Festival de Dança de Joinville

Segundo Thereza, o convite é feito para grupos que conseguem unir a formação do artista com o resultado artístico. Enquanto criam o espetáculo para a Estímulo, os grupos podem contar com a curadoria artística para tirar dúvidas e apresentar a proposta da obra, mas a produção é totalmente livre.

Colunistas