nsc

publicidade

De novo

Estreante na Chapecoense vê evolução e convoca torcida 

Claudinei Oliveira destacou que time teve várias finalizações contra o Cruzeiro

21/10/2018 - 19h16

Compartilhe

Por Redação NSC
Técnico da Chapecoense pede apoio da torcida para o jogo de sábado, contra o América-MG, na Arena Condá
Técnico da Chapecoense pede apoio da torcida para o jogo de sábado, contra o América-MG, na Arena Condá
(Foto: )

Levar três gols em 45 minutos foi uma estreia indigesta para o técnico da Chapecoense, Claudinei Oliveira. Ele disse que ficou insatisfeito com o resultado negativo diante do Cruzeiro, por 3 a 0, neste sábado, mas não achou que está tudo errado com o time.

Ele viu aspectos positivos na partida disputada no Independência, no segundo tempo, em que o placar não foi movimentado. E considerou que seu time produziu mais que o Corinthians contra o Cruzeiro, na Copa do Brasil, apesar de não ter feito gol.

- A gente sabe da qualidade do Cruzeiro, não fizemos um bom primeiro tempo mas no segundo tempo finalizamos bastante, estivemos bem perto do que é o DNA da Chapecoense, de brigar até o fim e fizemos o Fábio trabalhar bastante – destacou o treinador.

Ele afirmou que os gols sofridos não podem ser creditados apenas ao setor defensivo e disse que todos perderam juntos, inclusive se colocando como um dos responsáveis, mesmo estando no clube a apenas quatro dias.

Agora ele vai poder conhecer um pouco melhor a equipe para o jogo contra o América-MG, no sábado, na Arena Condá. E já aproveitou a entrevista coletiva para convocar o torcedor.

- Vamos analisar os prós e os contras e contar com o apoio do torcedor, na sexta-feira à noite já vou abrir o treino para que a torcida possa acompanhar. Temos oito jogos e serão oito guerras – declarou o treinador.

Leia mais notícias sobre a Chapecoense

Deixe seu comentário:

publicidade