nsc
nsc

Corta essa!

Falando de Sexo: não deixe a vergonha do próprio corpo atrapalhar sua intimidade

Colunistas Lúcia Pesca e Andréa Alves tiram dúvidas de leitores

05/12/2017 - 00h06 - Atualizada em: 05/12/2017 - 11h37

Compartilhe

Por Redação NSC

* Meninas, eu tenho vergonha do meu corpo. Me acho gorda e cheia de estrias. Meu noivo diz que gosta de mim do jeito que eu sou. Mas não me vejo assim, e acho que ele fala só para me agradar. Me ajudem!

(Foto: )

Querida leitora, a melhor coisa que você pode começar a fazer é aprender a se amar como seu noivo a ama. Depois, que tal aperfeiçoar este amor?

Será que, para acreditar que é amada, você deveria ser perfeita? E afinal, o que é ser perfeita para você? É ser magra, sem nenhuma barriguinha? Pare com isso.

A beleza da mulher não está em ser magra, ou em ter uma pele lisinha. Está, sim, no conjunto: suas atitudes, seu afeto e o seu “ser mulher”. O mais importante é que seu noivo a ama do jeito que você é e não precisa do padrão de beleza que a sociedade impõe para cultivar este amor.

Confiança

Infelizmente, muitas mulheres passam pelas mesmas situações e pelos mesmos conflitos que você enfrenta nesta fase da sua vida. Agora, você já se perguntou o que os homens pensam?

Para eles, o mais importante entre quatro paredes é o que se passa dentro da cabeça de sua mulher, e não com as suas medidas. E ainda: sensualidade, para eles, é uma mulher que, independentemente de sua estética, demonstre ter confiança no taco dela.

Tire todas as suas dúvidas na coluna "Falando de Sexo"

Acompanhe a coluna Espaço do Trabalhador

Mais notícias:

Moradores relatam transbordamento de esgoto na Lagoa da Conceição, em Florianópolis

Pessoas que nunca tiveram dengue não devem tomar vacina, diz Anvisa

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Cotidiano

Colunistas