nsc

publicidade

Cidade

Festival de Dança de Joinville leva "Rua da Dança" para a tradicional Feira do Floresta

Evento segue até às 17h deste sábado com apresentações gratuitas e aproxima artistas e público

21/07/2018 - 09h27

Compartilhe

Por Redação NSC
População abraça palcos abertos e acompanha apresentações gratuitas do Festival de Dança de Joinville
População abraça palcos abertos e acompanha apresentações gratuitas do Festival de Dança de Joinville
(Foto: )

A tradicional feira de artesanatos da Praça Tiradentes no bairro Floresta, em Joinville, se transforma na "Rua da Dança" ao longo deste sábado (21) como parte da programação do 36º Festival de Dança de Joinville. Mais de 20 espetáculos sobem ao palco das 10h às 17h e aproximam a arte da dança da comunidade de forma gratuita.

Confira todas as notícias do Festival de Dança de Joinville

Desde as primeiras horas do encontro entre o Festival e seu público, dezenas de pessoas acompanhavam de perto os ensaios dos grupos que viriam a se apresentar em seguida. Foi o que aconteceu com os alunos da Escola Municipal de Ballet de Joinville, que apresentaram dois números, um deles o Jazz "Aeromoças". A dança teve preparação feita passo a passo no palco e que fez com que os espectadores, na sequência, embarcassem em uma viagem junto da tripulação de 16 bailarinas.

Coreografia "Aeromoças" da Escola Municipal de Ballet de Joinville
Coreografia "Aeromoças" da Escola Municipal de Ballet de Joinville
(Foto: )

— Estes palcos abertos são importantes porque trazem essa aproximação do artista com o público e o legal de estarmos aqui desde cedo foi que, quando ainda estavam montando o palco, os moradores do bairro que tinham saído fazer caminhada, se interessaram pelo espetáculo e decidiram voltar para assistir. Então essa ideia de trazer a arte em si para a comunidade é gratificante — destacou Ronald Soares, coreógrafo das bailarinas da Escola Municipal de Ballet de Joinville.

Também de Joinville, a Dunamis Escola de Dança, do Floresta, estava em casa e ofereceu aos vizinhos de bairro uma mostra do que os apreciadores da dança puderam ver na Mostra Competitiva do Festival de Dança. Eles subiram ao palco na manhã deste sábado com a coreografia "Reason", que disputou a categoria júnior de Danças Urbanas.

Dunamis Escola de Dança de Joinville debate o bullying em coreografia de Danças Urbanas
Dunamis Escola de Dança de Joinville debate o bullying em coreografia de Danças Urbanas
(Foto: )

— São 11 bailarinos que trazem à tona nesta apresentação o tema do bullying, não só de raça, mas de todas as formas. E o bacana é que a escola fica aqui do lado, então estamos em casa e o público tem acompanho, interagido e vibrado com a nossa participação no Festival — contou o professor e coreógrafo Eliseo Lemos.

Dia diferente

Além das apresentações no palco, que contam ainda com representantes de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná, o dia na Praça Tiradentes mantém as atividades como aulas abertas, feira de artesanato e gastronomia ao ar livre. Há ainda área de lazer infantil.

No entanto, a programação da "Rua da Dança" deu um clima diferente ao espaço e serve de atrativo para a população de outros bairros. É o que sentiram as artesãs Claudete Lisboa e Márcia Braga, que trabalham nas barracas da Feira do Floresta há quatro anos.

As artesãs Claudete Lisboa (a frente) e Márcia Braga comemoram presença do Festival de Dança na Feira do Floresta
As artesãs Claudete Lisboa (a frente) e Márcia Braga comemoram presença do Festival de Dança na Feira do Floresta
(Foto: )

— Esse é o primeiro nesses quatro anos que estamos aqui que o Festival de Dança vem para a nossa feira e esperamos que seja para ficar. Geralmente procuramos sempre trazer atrações, cantores e apresentações de teatro, dança e zumba. Isso puxa público, mas num evento grande como este atrai muito mais. Estamos muito felizes e ainda temos direito a ver de camarote — comemorou Claudete, com estande montada ao lado do palco.

SERVIÇO:
O QUÊ: Rua da Dança
QUANDO: Sábado, das 10h às 17h
ONDE: Praça Tiradentes (Av. Santa Catarina - Floresta)
QUANTO: Gratuito

Deixe seu comentário:

publicidade