nsc

Bela Vista

Fila e demora para consultas causam indignação em  posto de saúde de São José

Prefeitura diz que problema no sistema causa demora e que não há falta de profissionais.

03/02/2020 - 11h46 - Atualizada em: 03/02/2020 - 12h30

Compartilhe

Juliana
Por Juliana Gomes
Fila dobrou quarteirão antes das 7h
Fila dobrou quarteirão antes das 7h
(Foto: )

Uma fila de dobrar o quarteirão no posto de saúde do bairro Bela Vista causou indignação aos moradores de São José na manhã desta segunda-feira (3). Para marcar consulta ou apresentar exames, a espera se estendeu por boa parte da manhã.

A prefeitura informou via assessoria de imprensa que instabilidades no sistema e outras questões burocráticas exigem mais tempo de atendimento, por isso a demora, mas garantiu que não há carência de profissionais na unidade.

Geraldo da Silva chegou às 6h15 para marcar uma consulta e até as 10h não havia sido atendido.

— Minha senha é número 79 e lá (no consultório) está no número 62). Simplesmente, preciso marcar o médico. Quando cheguei tinha mais de 100 pessoas. A marcação pro médico da nossa região é a cada 15 dias. Estou tentando retornar para mostrar o exame para o doutor e não consigo — afirmou.

Manhã de espera

Com um problema na perna direita, Rosana de Souza pediu ao marido para pegar a senha às 6h, mas mesmo chegando mais tarde ainda precisou aguardar por bastante tempo.

— Vim para cá era 8h30, porque não posso ficar em pé. Estou esperando, tenho perícia médica amanhã. Preciso levar um atestado e estou esperando para consultar. A gente perde uma manhã inteira aqui. Não dá pra trabalhar – declarou.

Jaques esperou longas horas até ser atendido
Jaques esperou longas horas até ser atendido
(Foto: )

Jaques de Souza também chegou ao posto antes das 7h e teve dificuldade para obter informações.

— Cheguei aqui e peguei a senha 67, ainda está na 54. Preciso fazer uma consulta de retorno. Está bem lento (o atendimento), difícil a situação. Não tem gente para informar, não tem senha no balcão. Tá todo mundo perdido – disse.

Uma funcionária que não quis se identificar informou que o atendimento foi estendido até as 19h e que a formação de fila pode ser mais um hábito da população do que uma necessidade. Segundo a funcionária, alguns pacientes estariam indo ao posto de saúde após uma consulta recente, sem necessidade imediata.

Às 10h, fila ainda estava diante do posto de saúde
Às 10h, fila ainda estava diante do posto de saúde
(Foto: )

Colunistas