nsc

Florianópolis vai receber R$ 56,4 milhões para obras de infraestrutura

Revitalização da Avenida das Rendeiras é um dos projetos contemplados

27/12/2018 - 08h43

Compartilhe

Por Redação CBN Diário

O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, vai assinar às 10h desta sexta-feira contratos para obtenção de recursos no valor total de R$ 56.469.452,05 junto ao governo federal para a realização de obras de infraestrutura. Entre elas, as revitalizações da Avenida das Rendeiras, na Lagoa da Conceição, e da Beira-Mar Continental, no Estreito.

Desse montante, R$ 40 milhões correspondem a um contrato com a Caixa, na linha de crédito chamada Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), que serão usados para melhorias na mobilidade urbana como manutenções, drenagens, pavimentações e revitalizações do sistema viário. Os demais R$ 16.469.452,05 serão garantidos através de oito contratos de repasse de verbas do Orçamento Geral da União, com contrapartidas da prefeitura.

O começo das obras depende dos processos licitatórios, mas a prefeitura garante que todas estão previstas para acontecer em 2019.

Ouça a entrevista do prefeito Gean Loureiro ao Direto da Redação:

Além da Avenida das Rendeiras e da Beira-Mar Continental, estão previstas a revitalização da Avenida Luiz Boiteux Piazza, entre as praias de Canasvieiras e Ponta das Canas; a construção do Centro de Atendimento ao Turista de Canasvieiras; a reconstrução do trapiche da praia da Saudade, em Coqueiros; a construção de ciclovias e ciclofaixas de acesso à praia de Moçambique; a revitalização das ruas Raul Pereira Caldas e da Estrada Vereador Onildo Lemos, de acesso à praia do Santinho, e a aquisição e implantação de 10 academias para exercícios físicos ao ar livre (no Estreito, Ingleses, Saco dos Limões, Canasvieiras, Cachoeira do Bom Jesus, Tapera, Monte Cristo, Beira-Mar Norte, Armação do Pântano do Sul e Trindade).

Revitalização da Avenida das Rendeiras

Prevê a pavimentação da principal via da orla da Lagoa da Conceição, construção de calçada e correção de passeio, iluminação, sinalização, microbolsões, ciclovias e ciclofaixas, decks e rampas de acesso à lagoa, com características de acessibilidade a pessoas com necessidades especiais.

Custo: R$ 3,8 milhões.

Revitalização da Beira-Mar Continental

Urbanização, paisagismo, iluminação, pavimentações e construção de um quiosque.

Custo:R$ 1,3 milhão

Revitalização da Avenida Luiz Boiteux Piazza:

Custo:R$ 6,3 milhões

Construção do Centro de Atendimento ao Turista (CAT) em Canasvieiras:

Custo:R$ 470 mil

Reconstrução do trapiche da praia da Saudade:

Custo:R$ 1,5 milhão

Construção de ciclovias e ciclofaixas de acesso à praia de Moçambique:

Ciclovias compartilhadas com pessoas na Rodovia João Gualberto Soares, e demarcação com pintura e sinalização na Servidão Rio Ponche.

Custo:R$ 620 mil

Revitalização das ruas Raul Pereira Caldas e Estrada Vereador Onildo Lemos (acesso à praia do Santinho):

Implantação de ciclofaixa no acesso à praia do Santinho; revitalização dos passeios com acessibilidade; restauração do pavimento asfáltico das faixas de rolamento e estacionamento na Rua Raul Pereira Caldas e do pavimento em blocos de concreto intertravados nas faixas de rolamento da Rua Vereador Onildo Lemos, e implantação de recuo para parada de ônibus e abrigo de passageiro.

Custo: R$ 1,950 milhão

Academias para exercícios físicos ao ar livre:

Aquisição e implantação de 10 academias para exercícios físicos ao ar livre, nos bairros do Estreito, Ingleses, Saco dos Limões, Canasvieiras, Cachoeira do Bom Jesus, Tapera, Monte Cristo, Centro (na Beira-Mar Norte), Armação do Pântano do Sul e Trindade.

Custo: R$ 529.452,05

Colunistas