nsc
an

Segurança

Foragido da justiça rouba carro, troca tiros com a polícia e se esconde em esgoto em Joinville

Polícia encontrou cerca de R$ 9 mil escondidos na cueca do homem, que disse também estar fugindo de uma facção criminosa

26/04/2021 - 19h20

Compartilhe

Cláudia
Por Cláudia Morriesen
foto mostra carro roubado caído em uma vala
Carro caiu em vala durante perseguição na zona Norte de Joinville
(Foto: )

Um homem roubou um carro na zona Leste de Joinville, foi perseguido e trocou tiros com a polícia no domingo (25). A situação ocorreu à tarde, depois que o homem roubou um Ônix após ameaçar o proprietário com uma arma em um posto de combustíveis na rua Tuiuti, no bairro Aventureiro. Uma equipe da Polícia Militar que estava na região recebeu a ocorrência e encontrou o carro transitando na rua Dorothovio do Nascimento, perto do posto de saúde do bairro Vila Cubatão.

A perseguição ao ladrão começou com o apoio de uma equipe no helicóptero Águia. O homem perdeu o controle sobre a direção do carro e caiu em uma vala. Com isso, os policiais anunciaram que ele não deveria se mexer, pedido que não foi atendido. O homem saiu do carro e começou a atirar contra os policiais.

Um dos soldados atirou de volta e se abrigou, momento em que o ladrão jogou a arma e correu para se esconder. Ele foi encontrado em uma tubulação de esgoto após a chegada de viaturas de apoio.

Dentro do carro foi localizada uma grande quantidade de drogas, com quatro quilos e meio de maconha, 680 gramas de crack e 880 gramas de pó branco semelhante à cocaína, além de 1.030 comprimidos de ecstasy e um kit para transformar pistolas glock em metralhadora. Na cueca do homem havia R$ 9 mil. 

Fugitivo da Justiça e da facção

Ele foi identificado como um fugitivo do sistema judiciário, um homem de 27 anos. Aos policiais, ele contou que se desentendeu com colegas da facção criminosa que integra a respeito da morte encomendada de um homem chamado de "Chichulino" e que, por isso, o conselho geral da organização criminosa decidiu que também iria matá-lo.

Por isso, disse ele, estava fugindo para se esconder em outra cidade. Na casa dele, a polícia encontrou mais R$ 5.900 em dinheiro, uma grande quantidade de munições de diversos calibres, balanças de precisão e materiais para acondicionar drogas. De acordo com a Polícia Militar, o homem é do alto escalão desta facção, inclusive comandando as atividades ilícitas em Jaraguá do Sul e região.

Colunistas