publicidade

Transtorno

Furto em fiação deixa três bairros sem água em Chapecó 

Celesc informa que foram mais de 60 furtos em 40 dias

15/07/2019 - 15h22

Compartilhe

Darci
Por Darci Debona
Furto de fios de bombas da Casan provocaram falta de água em três bairros
Criminosos cortam os cabos de energia para revender o cobre
(Foto: )

O furto em fiação elétrica numa casa de bombas da Casan no Bairro Santa Maria, em Chapecó, deixou os bairros Esplanada, Universitário e Seminário sem água durante 12 horas no sábado. De acordo com o superintendente da estatal no Oeste, Daniel Scharff, o furto da fiação provocou o esvaziamento do reservatório que atende os três bairros e até emendar todos os cabos e reestabelecer a energia houve esse transtorno para a população.

Em entrevista para a NSC TV o gerente da Celesc no Oeste, Paulo Giacomazzi, o furto de fiação tem aumentado consideravelmente.

- Foram seis furtos de sábado até hoje (segunda-feira) e mais de 60 nos últimos 40 dias. Isso geralmente acontece à noite e quando os clientes acionam a Celesc por falta de energia é verificado o furto no ramal de ligação – disse.

Se a ligação for aérea do poste até o estabelecimento a Celesc paga. Se for subterrâneo a despesa é do consumidor. O empresário Rodrigo Teixeira já perdeu cerca de R$ 12 mil devido ao furto de cabos em sua empresa, entre fiação e perda de produção por falta de energia.

Os criminosos roubam os fios por causa do cobre, que tem bom valor de mercado. O delegado da Polícia Civil Elder Chaves disse que o caso está sendo investigado e já foi identificado um suspeito dos furtos.

Deixe seu comentário:

publicidade