nsc
dc

Trânsito

Guarda Municipal vai investigar caso de servidor flagrado usando celular ao volante em Florianópolis

Fotos circularam pelas redes sociais nesta sexta-feira

20/10/2017 - 13h02 - Atualizada em: 20/10/2017 - 14h02

Compartilhe

Por Redação NSC

A corregedoria da Guarda Municipal de Florianópolis vai abrir um processo disciplinar para investigar o caso do servidor que foi flagrado usando o celular enquanto dirigia, aparentemente em cima da ponte Colombo Salles. As fotos circularam pelas redes sociais nesta sexta-feira. Segundo a Guarda Municipal, o servidor já foi identificado e a investigação ocorrerá para que ele "responda pelo ato e sejam tomadas as providências cabíveis".

A assessoria da prefeitura informou que o processo administrativo tem prazo de 30 dias, prorrogáveis por mais 30, para ser concluído. Disse ainda que "como qualquer servidor, o guarda só poderá cumprir penalidade após o término do processo, pois tem direito à ampla defesa".

Em entrevista à rádio CBN Diário, a comandante da Guarda Municipal, Maryane Mattos, lamentou a situação e disse que o servidor cometeu um erro, que é amplificado pelo fato de o guarda ser um agente fiscalizador de trânsito.

— Assim que eu soube, já encaminhei para a corregedoria. Temos que dar o exemplo e um cuidado maior. Agora o caso vai ser analisado por uma comissão para ver que tipo de punição pode ser aplicada. Devem ser chamados os guardas que estavam na viatura — afirmou.

A prefeitura não divulgou o nome do servidor e ele não foi identificado pela reportagem.

Foto: arquivo pessoal
Foto: arquivo pessoal
(Foto: )

Colunistas