publicidade

Saúde pública

Hang mobiliza empresários e arrecada R$ 2 milhões para o Hospital Azambuja, em Brusque

A meta é chegar a R$ 3 milhões e implantar um centro de hemodinâmica para atender pacientes do SUS

10/01/2019 - 19h25 - Atualizada em: 10/01/2019 - 19h51

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
(Foto: )

O empresário Luciano Hang encabeçou um projeto em prol da saúde pública de Brusque e região. Junto com outros empresários e membros do conselho do Hospital Azambuja, iniciou uma campanha para arrecadar o dinheiro necessário para a construção de um centro de hemodinâmica na cidade.

O projeto surgiu no ano passado, mas começou a se tornar realidade na tarde dessa quinta-feira. Em sete horas dedicadas a ligar para empresários de Brusque, Guabiruba e Botuverá, o grupo conseguiu o compromisso de doações que chegam a R$ 2 milhões de 36 empresas. A meta é chegar a R$ 3 milhões, com isso seria possível comprar os equipamentos, fazer a instalação e começar a oferecer o serviço pelo SUS.

Atualmente, quem precisa do serviço pela rede pública de saúde é encaminhado a outras cidades da região, como Blumenau e Itajaí, explica Hang. De acordo com ele, como a adesão tem sido 100% com todos os empresários contatados, é possível ultrapassar a meta rapidamente. Dessa forma será possível executar outras melhorias que o hospital precisa.

– Nós já ficamos tão empolgados que precisamos dotar nosso hospital com UTI melhor, pronto-socorro melhor, recepção maior e não tenho dúvidas que este ano vamos fazer com que o Azambuja possa dar um salto grande (na qualidade do atendimento), pois o empresariado está bem engajado – afirmou Hang.

O diretor técnico do hospital e médico intensivista, Eugênio José Paiva Maciel, comemora o fato de os empresários terem "comprado" a ideia. Há 20 anos atendendo no Hospital Azambuja, ele garante que se o projeto se tornar realidade será um divisor de águas para os pacientes. Nas palavras dele, é um ganho de vida, pois faz a diferença na hora de dar o prognóstico do paciente.

– A hemodinâmica entra na parte preventiva. Ou seja, ver as artérias se elas estão obstruídas em questão de meia hora. É algo que todos nós podemos precisar. Pode ter um helicóptero, mas até chegar em um centro já perdeu músculo, perdeu vida – argumenta Maciel.

A expectativa é de que a obra seja executada até julho. Os empresários que desejarem contribuir podem fazer contato pelo telefone (47) 3396-2201.

O que é hemodinâmica:

É um exame que identifica obstruções das artérias e avalia o funcionamento das válvulas e do músculo cardíaco. O objetivo é diagnosticar uma possibilidade de infarto agudo do miocárdio ou determinar a exata localização da obstrução que está causando este infarto.

Empresas que confirmaram contribuição:

FIP

Irmãos Fischer

Sancris

Tinturaria Florisa

MC JU

Guabi Fios

Supermercado Carol

Supermercado Archer

Havan

Molas Brusque

Aradefe malhas

Warusky

Terraplanagem Augusto

HJ Tinturaria

NCA Têxtil

Biliton Confecções

JCM Confeções

Ind Appel

SBA Cconfecções

Marazul Malhas

RC confecções

Toalhas Atlântica

Vetor

Casas d’agua

Embrast

Laerte Kolher

Zen Metalúrgica

Tinturaria Staack

RVB Malhas

Empresa Bokker

Kolher Tinturaria

Aristides Mafra

Tecebem

Uvel

Stop Shop

Lemus Calcados

Deixe seu comentário:

publicidade