nsc
    santa

    Violência doméstica

    Homem que ameaçou matar ex-mulher na semana passada, em Blumenau, é preso 

    Agilidade no processo para conseguir mandado de prisão evitou um feminicídio, diz delegado

    23/04/2019 - 06h16

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação Santa
    (Foto: )

    A polícia prendeu nesta segunda-feira, em Gaspar, um homem de 41 anos que ameaçou matar a ex-mulher. A vítima procurou a Delegacia de Proteção à Mulher de Blumenau na última quarta-feira para apresentar mensagens com fotos de armas e áudios de ex-companheiro. Ele afirmava que iria matar ela e o atual namorado.

    - Diante da gravidade da ameaça, da extensa ficha criminal do suspeito, a Polícia Civil diligenciou na possível localização do suspeito, bem como representou pela busca e apreensão e prisão preventiva deste. Contando com a célere apreciação das representações, foi possível inibir a prática do feminicídio - ressalta o delegado David Sarraff.

    Conforme a Polícia Civil, o suspeito tem quase 20 registros envolvendo crimes de ameaças e disparos de arma de fogo no âmbito da violência doméstica. Segundo Sarraff, na cidade de Palmital, no Paraná, o homem chegou a manter uma adolescente em cárcere privado para manter relação sexual com ela. Depois ele deu um tiro contra contra a jovem e tentou se matar.

    Números importantes

    Polícia Militar

    - Telefone 190: quando presenciar ou vivenciar algum episódio de violência contra a mulher.

    Rede Catarina

    - Telefone 3221-7332 e e-mail 10bpmredecatarina@pm.sc.gov.br: para receber acompanhamento da polícia ou buscar orientação sobre as ferramentas de proteção à mulher.

    Central de Atendimento para Mulher em Situação de Violência

    - Telefone 180: para buscar orientação sobre direitos e serviços públicos à população feminina, bem como para denúncias ou relatos de violência.

    Delegacia de Polícia de Proteção a Mulher, Criança e Adolescente

    - Telefone 3329-8829: para registrar ocorrência de violência contra a mulher, bem como requerer medidas protetivas e iniciar processos contra agressores.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas