nsc
dc

Malandragem

Homem que tirou selfie com celular roubado após invadir apartamento em Laguna é condenado

A pena estabelecida foi de quatro anos, um mês e 23 dias de reclusão, mais pagamento de multa

15/10/2021 - 18h04

Compartilhe

Gabriela
Por Gabriela Figueiredo
Na foto, o criminoso estava com boné e óculos levados do apartamento que invadiu após escalar a sacada
Na foto, o criminoso estava com boné e óculos levados do apartamento que invadiu após escalar a sacada
(Foto: )

Um homem que tirou uma selfie com o celular que roubou após invadir um apartamento em Laguna, no Sul do Estado, foi condenado a quatro anos de prisão nesta sexta-feira (15). A decisão, da 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, foi unânime em manter a condenação.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

De acordo com o Tribunal de Justiça, o crime aconteceu em janeiro de 2020. A prisão ocorreu após o homem alterar o status do WhatsApp no celular que havia furtado da vítima para incluir uma foto sua, com boné e óculos levados do apartamento que invadiu após escalar a sacada. Um print da selfie foi tirado e apresentado na delegacia de polícia onde o boletim de ocorrência havia sido feito, e imediatamente os policiais identificaram o autor do crime.

O indivíduo já tinha duas passagens anteriores pela polícia e cumpria os regimes em aberto. Segundo o órgão, apesar de negar o ocorrido no depoimento, o homem, além de não apresentar álibi para o dia do furto, não manteve a coerência nas informações prestadas.

Leia também

Segurança escapa por pouco de carro que invadiu shopping em Florianópolis; vídeo

Salário de professor pode chegar a R$ 11 mil em SC; entenda

Surfistas se deparam com tubarão em Balneário Camboriú

Colunistas