publicidade

    Polícia
    Navegue por

    Segurança

    Homem suspeito de atear fogo em três mulheres é preso em Jaraguá do Sul

    Crime aconteceu em dezembro do ano passado em São Paulo

    23/03/2019 - 11h51

    Compartilhe

    Gabriela
    Por Gabriela Florêncio

    Um homem suspeito de atear fogo em três mulheres foi preso em Jaraguá do Sul. Segundo a Polícia Militar (PM), os crimes aconteceram em dezembro do ano passado, na cidade de Mogi das Cruzes, em São Paulo.

    A prisão aconteceu por volta das 18 horas desta sexta-feira (22), em uma casa na rua Oscar Schneider, no bairro Jaraguá 99. No local, os policiais confirmaram que o morador tinha um mandado de prisão em aberto, expedido pelo Poder Judiciário de São Paulo.

    Segundo a PM, o suspeito tentou convencer os policiais de que não era o foragido durante a abordagem. Entretanto, após ser confrontado com as informações, ele acabou confessando as agressões. O homem foi encaminhado ao Presídio Regional de Jaraguá do Sul, para os procedimentos cabíveis e onde ficará à disposição do Judiciário.

    Crime contra ex-companheira

    O homem preso teria ateado fogo na ex-companheira após uma briga, por não aceitar a separação. Além da mulher, a vizinha e a filha dela também foram atingidas, conforme a PM. À época do crime, a esposa foi socorrida e encaminhada para atendimento hospitalar com 30% a 40% do corpo queimado. Já as outras duas vítimas sofreram ferimentos leves.

    Ainda de acordo com a polícia, as vizinhas teriam tentado separar a briga do casal, mas também foram atingidas pelas chamas. Depois do crime, o homem fugiu antes da chegada dos policiais.

    Deixe seu comentário:

    publicidade

    Navegue por
    © 2018 NSC Comunicação
    Navegue por
    © 2018 NSC Comunicação