nsc
dc

Catarinense 2018

Inter de Lages fica no empate com o Brusque e não escapa do rebaixamento

Leão Baio ficou na zona da degola pelo saldo de gols e se despediu da Série A do Catarinense após quatro participações consecutivas

01/04/2018 - 14h20

Compartilhe

Por Redação NSC
Inter de Lages, de branco e vermelho, foi rebaixado pelo saldo de gols
Inter de Lages, de branco e vermelho, foi rebaixado pelo saldo de gols
(Foto: )

A tarde deste domingo terminou em rebaixamento para o Inter de Lages. O empate por 1 a 1 com o Brusque, no Augusto Bauer, bastou para que os donos da casa garantissem a permanência na elite do Catarinense, mas significou a despedida do Leão Baio da divisão principal após quatro participações consecutivas.

O time de Lages terminou a disputa na vice-laterna, com os mesmos 17 pontos do Hercílio Luz, mas permaneceu na zona da degola porque teve desvantagem no saldo de gols. Derrotado pelo Criciúma por 1 a 0 no Heriberto Hülse, o Hercílio Luz se garantiu na Série A do Estadual porque marcou 16 gols e sofreu 23, enquanto o Inter de Lages anotou 18 vezes, mas foi vazado em 27 oportunidades.

O gol que poderia ter livrado o Leão Baio do rebaixamento foi assinado por Rafhael Lucas em cobrança de pênalti, aos 19 minutos do segundo tempo, mas Rafinha igualou o placar para o Brusque apenas cinco minutos depois.

—Não tem como culpar A ou B, foi um conjunto de coisas erradas que a gente fez ou talvez deixou de fazer que ocasionou esse rebaixamento — analisou o volante Pierre ao fim da partida.

FICHA TÉCNICA:

BRUSQUE:

André Luís; Edílson, Douglas Silva, Neguette, Ronaell, Valkenedy, Carlos Alberto, Adãozinho, Jean Dias, Anderson Safira (Rafinha), Jefferson Renan (Wilson Júnior). Técnico: Pingo.

INTER DE LAGES:

David; Kellyton, Fernando Belém, Fabão, Sanchez, Pierre, Jeferson, Felipe (Alessandro), Gian (Vitor Michels), Luizinho (Jean), Rafhael Lucas. Técnico: Rodrigo Fonseca.

CARTÕES: Amarelo - Ronaell, Valkenedy, Anderson Safira e Rafinha (Brusque). Raphael Lucas (Inter).

GOLS: Rafinha (Brusque) e Rafhael Lucas (Inter).

ARBITRAGEM: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Alex dos Santos e Henrique Neu Ribeiro.

ESTÁDIO: Augusto Bauer, em Brusque.

Colunistas