nsc
dc

Nesta terça

Investigação do STF que mira em Renan Calheiros faz buscas em Florianópolis

Operação autorizada pelo ministro Luiz Edson Fachin foi desencadeada na manhã desta terça-feira (5)

05/11/2019 - 09h11 - Atualizada em: 05/11/2019 - 14h03

Compartilhe

Por Guilherme Simon
Prédio da PF
(Foto: )

A Polícia Federal cumpriu um mandado de busca e apreensão no endereço de um publicitário em Florianópolis na manhã desta terça-feira (5). A operação foi autorizada pelo ministro Luiz Edson Fachin, relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF).

A operação é parte de investigação da Corte Superior que mira os senadores Renan Calheiros e Eduardo Braga (MDB-AM), além do ministro Vital do Rêgo, do Tribunal de Contas da União (TCU).

A ação integra um inquérito aberto em maio do ano passado para investigar supostos repasses de R$ 40 milhões da J&F a políticos do MDB durante a campanha eleitoral de 2014.

O mandado de busca e apreensão em Florianópolis foi cumprido num condomínio localizado no bairro Campeche, no Sul da Ilha.

A operação inclui cumprimento de buscas e apreensão e sequestro de bens também em outros estados.

Atendendo às determinações do ministro Luiz Edson Fachin, que assina as ordens judiciais, a Polícia Federal informou que não irá divulgar mais detalhes das ações realizadas desde as primeiras horas da manhã.

*Com informações da NSC TV

Leia as últimas notícias do NSC Total

Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC

Colunistas