nsc

    Crise no Alvinegro

    "Irresponsável e despreparado", diz ex-diretor do Figueirense sobre Claudio Honigman

    Luiz Greco, ex-diretor de negócios do clube, publicou texto em sua conta no Twitter 

    24/09/2019 - 11h52 - Atualizada em: 24/09/2019 - 18h39

    Compartilhe

    Leandro
    Por Leandro Lessa
    Claudio Honigman e Luiz Greco, durante a apresentação no Figueirense, em maio deste ano
    Claudio Honigman e Luiz Greco, durante a apresentação no Figueirense, em maio deste ano
    (Foto: )

    Após o anúncio de sua saída, o ex-diretor de negócios e parcerias do Figueirense, Luiz Greco, se despediu através das redes sociais com duras críticas ao ex-presidente do clube, Claudio Honigman. Em uma das postagens, Greco diz que o presidente da Elephant, empresa que não comanda o Alvinegro desde a última sexta-feira, foi um gestor "totalmente irresponsável e despreparado para comandar um clube de futebol".

    Nesta terça-feira (24), uma reportagem do site GloboEsporte.com informou que Honigman havia comunicado à CBF que o clube decidiu abandonar a Série B. Em nota, o Conselho Deliberativo do Figueirense negou, dizendo que nunca se cogitou a desfiliação ou o abandono do campeonato.

    Luiz Greco foi chamado pela diretoria anterior, para participar de um comitê gestor presidido por Claudio Honigman. Apresentado em maio deste ano, pensava em internacionalizar a marca Figueirense. As declarações foram dadas na própria conta oficial do Twitter de Luiz Greco no início da manhã desta terça. Confira:

    "Comunico a todos o término do meu vínculo com o Figueirense Futebol Clube, após reunião com o presidente do conselho deliberativo que retoma o controle do clube, após rescisão unilateral com a empresa que administrava o clube há 2 anos, com contrato previsto para 20 anos.

    Confesso que aceitei o desafio, de implementar os projetos na área internacional(parcerias técnicas, programas de intercâmbio para atletas e comissões técnicas do exterior, pré temporadas de equipes amadoras e profissionais do exterior.

    Participações em torneios de categorias de formação no exterior entre outros), levando toda minha expertise, pelo clube de grande tradição, quase centenário, seu bom trabalho nas categorias de formação, camisa respeitada e de boas campanhas nas competições nacionais.

    Mas, infelizmente, deparei-me com um gestor totalmente irresponsável e despreparado para administrar um clube de futebol, e com sucessivos erros, levou o clube a um verdadeiro caos, culminando com vários acontecimentos lamentáveis a história do clube.

    Meu agradecimento a todos os colaboradores do clube que tem enfrentado tantas dificuldades mas, se mantêm firmes no desempenho de suas funções. Aos torcedores, que sempre levaram seu apoio a equipe, apesar da falta de respeito e atos irresponsáveis da ex-empresa gestora do clube.

    Um alerta aos clubes que planejam assumir parcerias com empresas ou grupos investidores sem antes, fazer uma profunda avaliação dos gestores e seus reais objetivos, e que possam, antes de tudo, respeitar a história do clube, sua tradição e a paixão de seus seguidores."

    Nesta terça-feira, Chiquinho de Assis, presidente do Conselho Deliberativo do Figueirense e hoje presidente interino do clube, participa do Debate Diário, a partir de 13h.

    Ouça a CBN Diário no site

    Baixe o app da CBN Diário para iOS

    Baixe o app da CBN Diário para Android

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas