publicidade

Esportes
Navegue por

Futebol

JEC faturou quase R$ 400 mil com venda de lateral-esquerdo para clube japonês

Negócio ajudará o Tricolor a quitar dívidas com os funcionários. Clube espera colocar todas as pendências em dia até o dia 20

06/12/2018 - 21h56

Compartilhe

Elton
Por Elton Carvalho
Diego chegou ao JEC em 2015 e foi emprestado ao futebol do Japão em 2016
(Foto: )

O JEC faturou quase R$ 400 mil na venda de parte dos direitos econômicos do lateral-esquerdo Diego para o Tokushima Vortis, clube da Segunda Divisão do Japão. Por 60% dos direitos do atleta, os japoneses pagaram 200 mil dólares — 100 mil para o JEC e 100 mil para o Metropolitano. Os dois clubes dividiam os direitos de Diego — cada um dos clubes com 50%.

A informação a respeito da venda começou a circular a partir da informação do jornalista Gabriel Fronzi, no começo da tarde desta quinta-feira. A reportagem de "A Notícia" apurou os detalhes e buscou mais informações do negócio.

Como JEC e Metropolitano venderam 60% (cada um 30%), os clubes ainda mantiveram 20% dos direitos de Diego até 2021 - ano em que chegará ao fim o contrato do lateral com o Tokushima Vortis. Ou seja, é possível que joinvilenses e blumenauenses possam faturar ainda mais no futuro.

A reportagem apurou que o Joinville deve aplicar o dinheiro no pagamento das folhas de setembro e outubro. A ideia da diretoria é deixar tudo em dia — folha de novembro, dezembro e 13º salário no próximo dia 20. Para conseguir acertar as contas, o Joinville espera fechar com mais um patrocinador na próxima semana.

O lateral-esquerdo Diego chegou ao Joinville em 2015 para a disputa da Série A. Naquele ano, fez 26 partidas. No ano seguinte, jogou em 38 ocasiões, quando foi negociado. Primeiro, foi emprestado ao Matsumoto Yamaga, clube pelo qual jogou pouco.

No ano seguinte, foi emprestado ao Mito Hollyhock, equipe pela qual pôde atuar mais. Foram 35 partidas e um gol. O desempenho chamou a atenção do Tokushima Vortis, que fez a compra do atleta de 23 anos.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação