nsc

Um pontinho

JEC fica no 1 a 1 com o Marcílio Dias na Arena; veja os melhores momentos

Tricolor saiu atrás do placar e chegou ao empate com o zagueiro Fernando. Resultado adia classificação à próxima fase

14/08/2021 - 17h23 - Atualizada em: 14/08/2021 - 19h18

Compartilhe

Jota
Por Jota Deschamps
Zagueiro Fernando (sem camisa) comemora gol de empate do JEC contra o Marcílio Dias na Arena
Zagueiro Fernando (sem camisa) comemora gol de empate do JEC contra o Marcílio Dias na Arena
(Foto: )

A história se repetiu. Assim como tinha sido no Campeonato Catarinense e também no turno da Série D, o terceiro encontro entre Joinville e Marcílio Dias neste ano também não teve vencedor. A partida deste sábado (14) na Arena era válida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro e ficou no 1 a 1. Palacios abriu o placar para o time marinheiro ainda na primeira etapa, após saída errada do goleiro Rafael Pascoal. Já no segundo tempo, após cruzamento na área, o zagueiro Fernando, de cabeça, empatou a partida para o Tricolor. 

O resultado aumenta a sequência invicta do Joinville, que soma onze partidas sem derrotas no grupo A8 da Série D. O JEC é o segundo colocado da chave, agora com 21 pontos. A garantia da vaga na próxima fase do Brasileirão - que viria com uma vitória - foi adiada e vai ficar para as rodadas finais. Faltam ainda três jogos para o final da fase classicatória.

JEC e Marcílio Dias fizeram um confronto equilibrado na Arena. A primeira etapa teve mais lances de perigo e mais intensidade da equipe visitante. O Tricolor teve dificuldades para trocar passes e chegar com perigo na meta adversária. Aos 39 minutos, após cruzamento da esquerda, o goleiro Rafael Pascoal saiu mal do gol para tentar afastar a bola, não achou nada, e ela sobrou para Palacios, que tocou pro gol e saiu pra festa. Marcílio 1 a 0. O Tricolor só conseguiu chegar ao empate na etapa final. Aos 15 minutos, após escanteio cobrado para a área marcilista, o zagueiro Fernando subiu sozinho e testou firme: 1 a 1 (veja os gols e os melhores momentos abaixo). O time de Itajaí ainda perdeu o volante Moisés, expulso aos 26 minutos, mas mesmo com um jogador a mais, o Tricolor não conseguiu alterar o placar.

Assista abaixo aos melhores momentos da partida (Créditos: CBF TV/Eleven Sports).

Após a partida, o técnico Leandro Zago avaliou o resultado e destacou que os desfalques do JEC (Yann Rolim negociado; Douglas Packer suspenso e Naldo machucado) fizeram o time passar por muitas mudanças, o que - segundo o treinador - levou a equipe a um baixo rendimento na primeira etapa.

— Realmente no primeiro tempo não aconteceu [o encaixe do time], mas depois a gente corrigiu e o segundo tempo foi muito melhor — avaliou. 

Agora o JEC volta a campo no sábado, em Jaraguá do Sul, quando enfrenta o Juventus pela 12ª rodada da Série D. Segundo colocado do grupo A8 com 21 pontos, o Tricolor continua na cola do líder Cascavel que empatou com o Aimoré-RS e permanece na ponta com 23.

Colunistas