nsc

    Liga Nacional

    JEC Futsal estreia com vitória na Liga Nacional

    De virada, Tricolor venceu a Assoeva por 4 a 2 no Centreventos

    27/04/2021 - 14h22 - Atualizada em: 27/04/2021 - 14h23

    Compartilhe

    Por Jota Deschamps
    jogadores disputando a bola
    Dieguinho (e) e Boni marcaram, mas o Tricolor levou a melhor.
    (Foto: )

    O JEC/Krona Futsal estreou com vitória na Liga Nacional 2021 ao vencer nesta segunda-feira (26), a Assoeva/RS no Centreventos Cau Hansen. Apesar de tomar um susto ao sofrer um gol com sete segundos de jogo, o time conseguiu a virada e venceu por 4 a 2. Genaro (2), Dieguinho e Evandro marcaram para o JEC, enquanto Boni fez os dois da equipe gaúcha.

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    Com um início de jogo abaixo do esperado, o JEC saiu atrás do placar com gol em tempo relâmpago: a Assoeva deu a saída de jogo e após lançamento do goleiro Kelvin, Boni desviou de cabeça vencendo Willian. 1 a 0 para os gaúchos. A partida se desenhou com mais divididas e menos bola rolando. Jogo muito truncado e o Tricolor levou a pior, passando boa parte da primeira etapa com cinco faltas cometidas, no limite para o tiro livre direto. Em uma das poucas chegadas com força na frente, o JEC Futsal tomou o contra-ataque e novamente Boni ampliou, 2 a 0 para a Assoeva. Perdendo, os donos da casa demoraram a entrar no jogo e o técnico Daniel Júnior precisou ir revezando os quartetos. Só com o revés o time conseguiu se postar mais organizado em quadra. Faltando 5 minutos para o fim da primeira etapa, após finalização de Dieguinho, a bola sobrou para o estreante Evandro que tocou pro gol e saiu para o abraço. Já o 2 a 2 veio faltando 16 segundos no primeiro tempo. Após nova finalização de Dieguinho, a bola se ofereceu para Genaro que bateu forte e empatou o jogo.

    Na etapa final o Tricolor voltou com outra postura e, melhor em quadra, buscou o placar favorável. Renatinho deu assistência para Dieguinho que pegou de primeira, a bola passou entre as pernas do goleiro Kelvin, JEC 3 a 2. Mesmo com o goleiro-linha dos gaúchos, o JEC seguiu mais concentrado e inteiro no jogo. Restando cinco minutos para o fim, a árbitra Anelize Meire Schultz assinalou pênalti para o Tricolor após toque na mão de Duda Bello. Genaro não perdeu e ampliou a vantagem tricolor, JEC Futsal 4 a 2 Assoeva.

    TEM QUE MELHORAR

    Após a partida, o técnico Daniel Júnior, papai do dia - que acompanhou pela manhã o nascimento da primeira filha, Maria Laura, e à noite já estava na beira de quadra - lamentou o início abaixo da equipe e disse que é preciso evoluir.

    — Susto que não podemos passar. A gente entende que precisa melhorar no aspecto' atencional'. Temos que arrumar algumas coisas, mas feliz pela vitória - comentou o treinador.

    SEGUNDO JOGO

    O próximo compromisso do JEC/Krona Futsal vai ser no domingo (2), novamente no Centreventos Cau Hansen, contra o Marreco, do Paraná. As demais rodadas da Liga Nacional ainda não foram divulgadas, já que cada equipe tem sua realidade local com decretos municipais e estaduais em relação a pandemia.

    SITUAÇÃO DO GRUPO

    Pelo grupo do JEC outros times também venceram. O Cascavel/PR foi o primeiro a entrar em quadra ainda na sexta-feira (24) e, fora de casa, bateu o Marreco/PR por 5 a 2. O outro vencedor desta chave B foi o Carlos Barbosa/RS, que diante do Atlântico, em Erechim/RS, venceu por 3 a 0. Já a partida entre Blumenau e Juventude/MS, fechando a rodada, vai ser realizada na sexta-feira (30), na casa da equipe catarinense.

    Colunistas