nsc

publicidade

De novo

Jogadores da Chapecoense falam em "apagão" e se agarram à matemática 

Time tem 31 pontos e precisa vencer pelo menos quatro dos oito jogo a disputar

21/10/2018 - 18h08 - Atualizada em: 21/10/2018 - 18h26

Compartilhe

Por Redação NSC
(Foto: )

Depois dos 3 a 0 construídos ainda no primeiro tempo pelo Cruzeiro, neste domingo, no Independência, os jogadores da Chapecoense falaram em “apagão” e começam a se agarrar à matemática para falar das chances de escapar do rebaixamento.

Entre eles o zagueiro Douglas.

- Temos que juntar as forças, o momento é difícil, mas matematicamente temos todas as condições de sair desse momento. Tivemos um apagão no primeiro tempo, temos que corrigir urgentemente as falhas e nos ater aos bons momentos. Agora temos um jogo em casa e temos que nos impor – disse Douglas.

Seu companheiro de zaga, Thyere, disse que além do Cruzeiro viver um bom momento, com a conquista da Copa do Brasil, a Chapecoense fez um dos piores primeiros tempos no Campeonato Brasileiro.

O meia Canteros disse que o time não pode perder a esperança.

- Está difícil mas a gente tem que se impor e lutar. Temos que seguir trabalhando e acreditar – afirmou.

Leia mais notícias sobre a Chapecoense

Deixe seu comentário:

publicidade