nsc

publicidade

Apesar do 0 a 0

Jogadores do Figueira ressaltam nova atitude do time após empate no clássico da Ressacada

"Mostramos que o time está com uma nova cara", disse o atacante Aquino

22/02/2017 - 21h25 - Atualizada em: 22/02/2017 - 22h16

Compartilhe

Por Redação NSC
Atacante Bill perdeu boa chance no começo do segundo turno
Atacante Bill perdeu boa chance no começo do segundo turno
(Foto: )

Apesar de não terem concretizado em gol as duas melhores chances de gol da partida, os jogadores do Figueirense saíram satisfeitos do gramado da Ressacada após um empate por 0 a 0. Segundo eles, o Figueirense já mostrou um novo ritmo com a estreia do técnico Márcio Goiano ao lado do campo. Para o atacante Anderson Aquino, que entrou no fim do segundo tempo, o time está renovado.

— Nós nos impusemos e jogamos pela vitória. Mostramos que o Figueirense está com uma nova cara — disse, na saída do gramado.

O atacante Bill, que teve uma grande chance logo aos dois minutos do segundo tempo, ressaltou a boa atuação do goleiro avaiano Kozlinski.

— Era para a gente ter feito um gol, especialmente naquele lance que o goleiro foi feliz — afirmou.

O atacante Yago ressaltou que o empate não foi um resultado ruim e disse que a equipe precisa aproveitar esses dois últimos jogos do primeiro turno para se entrosar.

— A gente ainda tá conhecendo o Goiano, mas o empate não foi um mau resultado. Agora é arrumar o que falta nesses dois jogos pra vir forte no segundo turno.

Leia mais

Avaí e Figueirense não saem do 0 a 0 em clássico pegado na Ressacada

Deixe seu comentário:

publicidade