nsc
    an

    Benefício

    Joinvilenses enfrentam filas para sacar auxílio emergencial 

    Agências iniciam atendimento às 8 horas da manhã, mas algumas pessoas já aguardavam duas horas antes 

    05/05/2020 - 14h04 - Atualizada em: 05/05/2020 - 14h08

    Compartilhe

    Patrícia
    Por Patrícia Della Justina
    Atendimentos iniciam às 8h até 14h
    Atendimentos iniciam às 8h até 14h
    (Foto: )

    A partir desta semana, mais de dois milhões de brasileiros devem sacar o auxílio emergencial viabilizado por meio do governo Federal. Em Joinville, muitos moradores tiveram de ter paciência para conseguir sacar o valor nas agências da Caixa Econômica Federal, que estão iniciando o atendimento duas horas antes, a partir das 8 horas da manhã, até 14 horas. Mesmo assim, às 6h já tinha gente esperando na fila.

    > Em site especial, saiba tudo sobre coronavírus

    A medida tem por objetivo dar conta do atendimento às pessoas que buscam retirar o auxílio emergencial do governo federal por causa da crise provocada pelo novo coronavírus. Desde 22 de abril, 1.102 agências já vinham funcionando neste horário.

    > Como baixar o aplicativo da Caixa e se cadastrar para receber o auxílio de R$ 600 do governo federal

    Quase três horas na fila, o auxiliar de pintura Denis Carneiro ainda não tinha chegado na porta da agência. Dinheiro importante, por isso o esforço.

    - Tenho uma filha de três anos e já ia ajudar bastante em casa. É complicado, mas tem que esperar porque a gente depende disso - disse em entrevista à NSC TV.

    > Como saber se seu CPF está irregular e como regularizar o documento

    No meio da manhã, a fila que o Denis enfrentou já dava a volta no quarteirão. Os funcionários da Caixa orientavam os clientes a manter o distanciamento mínimo de 1,5 metro. Para entrar na agência, só com máscara. Mesmo assim, do lado de fora, tinha gente sem ela ou a usando de forma errada.

    - Cheugeu aqui às 6 horas. Aqui é desumano. Fiquei duas horas ali, tivemos que ir à lan house, pegar um formulário, esperar na fila para agora ser atendida. Mas agora aqui tem gente há horas esperando - conta a beneficiária Adalgisa de Oliveira.

    > Bancários testam positivo para coronavírus e duas agências da Caixa são fechadas no Sul de SC

    Espera que não tem idade. Aos sessenta anos, o seu Gilson também teve que madrugar e enfrentar a fila pra ter acesso ao auxílio.

    - É humilhante. Eu com 60 anos, é terrível. [O auxílio] é bem importante para mim porque a minha área é a pintura. Eu sou autônomo e complicou em tudo. Está tudo parado. Você não consegue fazer orçamento, ninguém chama - pontuou Gilson.

    Até o último fim de semana, o site auxilio.caixa.gov.br superou a marca de 606 milhões de visitas e a central exclusiva 111 registra mais de 115 milhões de ligações. O aplicativo Auxílio Emergencial Caixa conta com 74,3 milhões de downloads e o aplicativo CAIXA Tem, para movimentação da poupança digital, ultrapassa 77 milhões de downloads.

    O que diz a Caixa Econômica

    A reportagem da NSC TV tentou contato com a agência bancária, que não quis gravar entrevista. Por meio de nota, afirmaram que estão reforçando o atendimento, com a contratação e realocação de funcionários. O banco também comunicou que está em contato com as prefeituras dos municípios. O objetivo é fechar parcerias para melhorar o atendimento à população e a divulgação de informações. Leia na íntegra:

    "A Caixa amplia para toda a rede de agências a abertura antecipada em duas horas. Com a medida, que passa a valer nesta segunda-feira (4), as unidades passarão a funcionar de 8h às 14h. Desde 22 de abril, 1.102 agências já vinham funcionando neste horário.

    Atenta à situação de filas nas agências, a Caixa vem adotando uma série de medidas para otimizar atendimento. Neste sábado (2), 902 agências foram abertas exclusivamente para atendimento do saque em espécie da Poupança Social. Na última semana, houve abertura de quase 800 agências no feriado de 21 de abril e no sábado (25).

    Também estão sendo alocados mais de 2.800 vigilantes adicionais (2.000 já está atuando), bem como 389 recepcionistas para reforçar orientação e atendimento ao público.

    Para reforçar ainda mais o atendimento, o banco anunciou na sexta-feira (1º) um pacote de medidas adicionais:

    • realocação de mais de 3 mil funcionários para ampliar as equipes nas agências

    • contratação de mais 2 mil vigilantes e 500 recepcionistas para orientação e atendimento ao público (no total, reforço de mais de 5,6 mil contratações)

    • disponibilização de cinco caminhões-agência para atendimento em locais com maior necessidade

    O banco também está em contato direto com as prefeituras com objetivo de fechar parcerias para atendimento à população e divulgação de informações.

    Canais Digitais

    O banco tem somado todos os esforços para otimizar e acelerar o atendimento em seus canais físicos e digitais. E ressalta a importância de apenas buscarem as agências aqueles usuários que precisam realizar serviços essenciais ou os beneficiários que receberam o auxílio na Poupança Social Digital e desejam fazer o saque em dinheiro.

    A prioridade ainda é manter o atendimento digital, por meio do cadastramento por app, site e a movimentação do benefício pelo Caixa Tem. Dessa forma, o banco reforça o pedido para que a população só se dirija às agências em último caso.

    Aqueles que receberam o crédito por meio da Poupança Digital Caixa podem pagar boletos e contas de água, luz, telefone, entre outras, bem como fazer transferências para outros bancos por meio do aplicativo Caixa Tem.

    É importante esclarecer que os beneficiários do Auxílio Emergencial que receberam o crédito em poupança da Caixa podem movimentar o valor digitalmente pelo Internet Banking ou mesmo utilizando o cartão de débito em suas compras. Os beneficiários do Bolsa Família elegíveis para o auxílio recebem o crédito no mesmo calendário e na mesma forma do benefício regular, por meio do cartão Bolsa Família nos canais de autoatendimento, lotéricas e correspondentes Caixa Aqui; ou por crédito na conta Caixa Fácil.

    Para quem busca informações sobre o cadastro, os canais são o site auxilio.caixa.gov.br, o app Caixa | Auxílio Emergencial e a central telefônica exclusiva 111."

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas