nsc
    santa

    VALE DO ITAJAÍ

    Justiça condena 16 integrantes de organização criminosa a mais de 220 anos de prisão em Blumenau

    Presos em operação da Polícia Civil em 2018 ouviram a sentença nesta quinta-feira

    16/07/2020 - 17h14 - Atualizada em: 16/07/2020 - 18h41

    Compartilhe

    Bianca
    Por Bianca Bertoli
    Imagem ilustrativa
    Imagem ilustrativa
    (Foto: )

    A 3ª Vara Criminal de Blumenau condenou 16 pessoas a penas que, somadas, ultrapassam 229 anos de reclusão. Entre os crimes estão o tráfico de drogas e organização criminosa. A decisão foi proferida nesta quinta-feira (16).

    > Quer receber notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do Santa

    De acordo com os autos, as investigações tiveram início nos últimos meses de 2018, na chamada “Operação Sintonia”, sendo conduzidas pela Divisão de Investigação Criminal (DIC) da Polícia Civil. No decorrer do inquérito foram colhidas diversas provas, especialmente a partir da extração de dados de aparelhos celulares apreendidos com alguns dos envolvidos.

    O delegado Egídio Ferrari lembra que todos eles exerciam cargo de relevância e chefia dentro do grupo criminoso, responsáveis pelas ordens de comando e organização estrutural. No total, as operações “Primordium”, “Edith”, “Sintonia” e “Balada Vip” investigaram cerca de 100 suspeitos ao longo de 2018, o que resultou na prisão de cerca de 60 pessoas, incluindo os envolvidos na facção que já estavam reclusos. 

    Justiça condena pessoas identificadas em operação da DIC de Blumenau a 156 anos de prisão

    Agora, resta apenas o julgamento dos presos na Primordium. Esta foi a primeira e a maior das quatro operações, que resultou em cerca de 35 réus. Da decisão desta quinta ainda cabe recurso ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina. O processo tramita em segredo de justiça.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas