nsc

publicidade

DECISÃO 

Justiça mantém prisão de homem que se masturbava próximo de escola em Blumenau 

Prisão em flagrante foi feita ontem pela Polícia Civil enquanto o homem agia no bairro Itoupava Norte 

11/09/2019 - 18h16 - Atualizada em: 11/09/2019 - 18h21

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
(Foto: )

O homem de 41 anos, que foi preso em flagrante por se masturbar próximo a uma escola no bairro Itoupava Norte, em Blumenau, teve a prisão preventiva decretada após a audiência de custódia, na tarde desta quarta-feira, dia 11, no Fórum de Blumenau.

O juiz de Direito, Frederico Andrade Siegel, titular da 2ª Vara Criminal da Comarca de Blumenau converteu a prisão em flagrante em prisão preventiva. Com isso, o homem foi conduzido ao Presídio Regional de Blumenau onde aguardará detido e vai responder pelos crimes de importunação sexual e armazenamento de vídeos de conteúdo pornográfico de crianças e adolescentes.

O delegado responsável pelo caso, David Sarraff, havia representado pelo pedido de manutenção da prisão do homem. Segundo a polícia, uma mãe registrou uma denúncia afirmando que a filha de 11 anos foi abordada por um homem dentro de um carro vermelho, próximo à escola onde a menina estuda. A partir disso, a polícia iniciou as investigações até identificar o suspeito que foi preso.

E depoimento na delegacia, ele havia confessado que se masturbava na rua e que praticava isso há cerca de cinco anos. Além disso, ele teria dito que abordou pelo menos 10 crianças neste período.

A Polícia Civil orienta aos pais de estudantes da região a conversarem com os filhos sobre o assunto para que possam ser identificadas mais vítimas do homem. As denúncias podem ser feitas na própria Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), na Rua Humberto de Campos, 282, ou pelo telefone 181.

Deixe seu comentário:

publicidade