nsc
nsc

publicidade

Alô, prefeitura!

Laine Valgas: fim de convênio com prefeitura põe em risco atendimento a dependentes químicos

Entidade de São José atende homens de 18 a 60 anos que lutam contra o vício das drogas

09/03/2017 - 04h42

Compartilhe

Por Redação NSC
(Foto: )

Hoje trago um novo pedido de "socorro" de quem há oito anos faz um dos trabalhos mais bacanas que já conheci quando o assunto é recuperar e ressocializar pessoas em situação de rua ou entregues ao vício das drogas. Falo da Associação de Assistência Social e Educacional Liberdade, sem fins lucrativos, que é formada por um estabelecimento sede (Casa de Apoio Liberdade, em São José) e uma filial (Comunidade Terapêutica Liberdade, em Florianópolis), que atende homens com idade entre 18 e 60 anos.

Desde 2013 a sede, que fica em São José, conta com um convênio da prefeitura — que acaba de encerrar a parceria e colocar em risco a continuidade do trabalho. Enquanto batalha para reverter a situação, o presidente e fundador da Casa, Ozair dos Santos, pede a nossa força: "hoje acolhemos 50 homens, tudo de graça. Se pararmos, todos voltarão para as ruas, para o vício — isso não pode acontecer. Peço qualquer valor em depósito, para pagamento dos funcionários, aluguel, água, luz e encargos".

Contribua em nome da Associação de Assistência Social e Educacional Liberdade com depósito no Banco do Brasil: agência 2638-7 conta 50.578-1, ou na Caixa: agência 1555 OP 003 conta 643-8.

Se ficar complicado contribuir, ao menos compartilhe com os amigos. Vamos saber da prefeitura de São José o que está acontecendo.

Confira todas as notícias da colunista Laine Valgas

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Cotidiano

publicidade

Colunistas

    publicidade

    publicidade

    publicidade